Você conhece a trilha no Mirante Nhanguçu?

0
1672

 

Do alto de 991 metros, o vento sibila um som agudo que corta o horizonte de rochas pontiagudas e a vegetação típica do cerrado, com bromélias e gramíneas. A paisagem exuberante compõe um dos pontos mais altos e bonitos de Guarulhos: o Mirante Nhanguçu. A opção de lazer fica apenas a 20 km do centro da cidade e a cerca de 40 km da zona norte de São Paulo. A equipe do CEA Balneário Água Azul realiza passeios monitorados em grupos (no mínimo 10 pessoas).

 

 

A trilha para subida é bem aberta, não muito íngreme, nem muito extensa. São 40 minutos de caminhada, mas também dá pra ir de carro. De lá é possível avistar as cidades que fazem divisa com o município, como Mairiporã, Nazaré, Santa Isabel e Arujá, além dos bairros Bonsucesso, Pimentas, Jardim Fortaleza, e os arranha-céus de São Paulo.

 

A rota faz um giro em 360º. Ao final dela, dá para ter uma visão privilegiada da Serra de Itaberaba, que é o ponto mais alto da região metropolitana. No verão, não dá para perder o pôr do sol. “É um dos mais bonitos”, garante a educadora ambiental, Kelly Almeida.

 

Outra curiosidade, segundo a Kelly, é o uso do local para vigílias. “Como está situado em uma área muito alta, é utilizado por católicos, evangélicos e por adeptos de religiões de matrizes africanas para oração”, completa. Quem tiver interesse em participar da trilha e saber um pouco mais sobre assunto deve entrar em contato pelo telefone: 2279-7722.

 

Com fácil acesso, o visitante também pode ir até o local de ônibus. Basta ir até o Terminal Pimentas e pegar a linha 883, com destino ao bairro Água Azul, ou pelo Terminal São João, no coletivo de número 880. Há uma parada em frente ao Balneário.

 

Para conscientizar a população sobre a importância da conservação da biodiversidade, o Centro de Educação Ambiental (CEA), da Secretaria de Meio Ambiente, promove cursos, trilhas, palestras e oficinas, na avenida Guanabara, 400, Água Azul.

 

Fonte: Prefeitura de Guarulhos