Quatro novas espécies de borboletas são registradas em áreas de conservação ambiental de Guarulhos

0
40

 

O Zoológico de Guarulhos divulgou nesta quarta-feira (5) o registro de quatro novas espécies de borboletas em unidades de conservação do município. Serão incluídas na próxima edição da lista oficial da fauna do munícipio a borboleta-olho-de-boi (Eryphanis reevesii), a borboleta-de-aro-vermelho (Biblis hyperia), a borboleta-de-duas-bandas (Pareuptychia ocirrhoe) e a mariposa-albiozona (Ramphia albizona).

 

 

Os registros foram feitos em visitas a campo realizadas pela equipe do Departamento de Conservação de Biodiversidade do zoo, que integra o Programa de Monitoramento da Biodiversidade, nas áreas do Parque Estadual de Itaberaba e da Floresta Estadual de Guarulhos.

 

As espécies encontradas ocorrem em bordas de áreas florestadas, geralmente em regiões serranas. Na fase alada, alimentam-se principalmente de líquidos de frutos maduros, de seivas de alguns tipos de plantas e também de sais minerais disponíveis em pequenas poças d’água e em rochas úmidas. “As borboletas são muito importantes para a manutenção do equilíbrio dos ecossistemas em que vivem, podendo ser polinizadoras, alimento de diversos animais e bioindicadores de qualidade ambiental”, explica Fernanda Magalhães, diretora do zoo.

 

A última edição da lista oficial da fauna do munícipio foi publicada em 2022 e conta com mais de 138 espécies de lepidópteros (grupo que inclui borboletas e mariposas), além de mais de 400 registros de espécies de aves, 85 de mamíferos e 74 de répteis, dentre as mais de mil espécies de animais silvestres já registradas no município.