Projeto da GCM transforma crianças e jovens

0
1639

 

Há três anos e meio, uma boa ideia, aliada à dedicação de servidores públicos, faz com que o Projeto Paraíso, desenvolvido pela Guarda Civil Municipal (GCM) no Jardim Paraíso, transforme a vida de crianças, adolescentes e adultos, oferecendo muito esporte e música. Tudo de graça e com uma generosa força de fazer o bem.

 

“Começamos com o judô, que é um esporte olímpico e bem conhecido. Hoje, temos 135 alunos só neste esporte e fazemos 450 atendimentos aqui”, diz o coordenador do projeto, o GCM 2ª classe Adilson Luiz Leli.

 

 

Mantido pela Prefeitura de Guarulhos, por intermédio da Secretaria Para Assuntos de Segurança Pública, o Projeto Paraíso conta com o trabalho de 18 instrutores, todos GCMs voluntários, que ensinam judô, jiu-jitsu, boxe chinês, kung-fu, tai-chi-chuan, canto, violão e informática a cerca de 400 estudantes.

 

Menino de ouro

 

Disciplinado, Felipe Santana, de 15 anos, é um menino de ouro. E ouro mesmo: levou o primeiro lugar no Sub 18 Masculino Meio Leve (60 Kg), durante o Campeonato Brasileiro das Ligas de Judô – Região Sudeste-2015  e também foi ouro na apresentação de Punhos (Chang-kuan) na Categoria  Juvenil, na 12ª Copa Internacional de Kung-fu – 2014.

 

“Passei a participar do Projeto Paraíso com 11 anos, para não ficar em casa sem fazer nada. Comecei com o judô. Gostei e fiquei”, revela o jovem atleta, que também ganhou medalha de prata na categoria Juvenil Masculino Meio Leve, durante a 1ª Etapa do Campeonato Paulista da LJP (Liga de Judô Paulista) – 2015.

 

Incentivado por Felipe, o pai do garoto, o vigia José Santana, 43, decidiu cuidar da saúde e praticar atividade física. Há um ano é colega do filho nas aulas de judô e kung-fu. “Fazer exercício desestressa. Eu, além de emagrecer, não tenho mais pressão alta”, ressalta Santana.

 

Em família

 

Dos seis irmãos da família Soares dos Santos, cinco participam do Projeto Paraíso praticando judô. Com um “empurrãozinho” da matriarca, o primeiro a entrar no projeto foi João Gabriel, agora com 13 anos. Depois, vieram Isabelle, de 18; Gabriella, de 16; Luis Fernando, de 11, e Tiago, de 7 anos. As duas mais velhas já colecionam conquistas e medalhas.

 

As mais recentes foram bronze no Campeonato Brasileiro das Ligas de Judô – Região Sudeste-2014 e prata no mesmo torneio este ano. Isabelle também faturou medalha de ouro na categoria Júnior Feminino Meio Pesado, no Campeonato Paulista da LJP – 2015. “Tudo isto mudou a nossa vida”, diz Isabelle.

 

E mudou mesmo: elas deixaram as más companhias de lado para se dedicarem ao esporte, com determinação e total apoio dos pais. “Abrimos mão de várias coisas que não nos faziam bem e agora queremos continuar competindo. Temos o propósito de cursar Educação Física e também sermos instrutoras de judô”, planeja Gabi que, junto com a irmã, vai participar, em novembro, do Campeonato Brasileiro de Judô-Região Sudeste, em Brasília.

 

Representando Guarulhos

 

Além de Felipe Santana e das irmãs Gabriella e Isabelle, outros três alunos de judô do Projeto Paraíso foram campeões nos estaduais e na 1ª Etapa do Campeonato Brasileiro. Barbara Shroter, Bruna Almeida e Ester Sérgia Santos também estarão na 2ª etapa do Campeonato Brasileiro de Judô em Brasília, no dia 8 de novembro.

 

Serviço

 

Projeto Paraíso GCM

 

Atividades de segunda a sábado

Rua Charqueada, 142, Jardim Paraíso

Telefone: (11) 2303-2842

 

Fonte: Prefeitura de Guarulhos