PM à paisana mata bandido

0
1411

 

Policial Militar à paisana mata um bandido, fere outro e impede sequestro-relâmpago em Guarulhos, na Grande São Paulo. Na noite desta segunda-feira (28), a dupla e um comparsa, que conseguiu fugir, abordaram a motorista de um Fiesta azul na região de Cumbica.

 

Exibindo uma arma, eles dominaram a vítima quando ela chegava em casa, na Rua Mauriti, e a obrigaram a passar para o banco de trás. Quando os bandidos já partiam, levando a refém, um policial militar, que estava de folga, à paisana e passava de moto pelo local, testemunhou a ação, quando decidiu intervir.

 

Ao perceber que um dos criminosos estava armado, ele atirou, atingindo dois dos suspeitos, entre eles o que estava ao volante. O assaltante perdeu o controle da direção do veículo, que bateu contra outro carro e, em seguida, em um muro.

Um bandido morre, um fica ferido e outro consegue escapar após o trio tentar sequestrar uma mulher que chegava em casa na cidade de Guarulhos, na Grande São Paulo. Na noite de ontem, portando uma arma de brinquedo, os criminosos abordaram uma mulher que, em um Ford Fiesta azul, chegava em casa, na Rua Mauriti, região de Cumbica. Um policial militar à paisana e de moto testemunhou a ação dos assaltantes - que obrigaram a vítima a ir para o banco de trás - e atirou ao perceber que um dos acusados estava armado. Dois dos bandidos foram baleados, entre eles o que estava ao volante. Ao perder o controle do carro, o criminoso bateu contra outro veículo e, depois, contra um muro. Um dos assaltantes morreu, outro foi detido e encaminhado ao Hospital Geral de Guarulhos, onde continua internado. O terceiro fugiu.(Foto:Nivaldo Lima/Futura Press)

Ao perceber que um dos criminosos estava armado, o policial atirou acertando dois criminosos(Foto:Nivaldo Lima/SP AGORA)

 

Um dos ladrões morreu na hora, o outro foi detido e encaminhado ao Hospital Geral de Guarulhos, onde continua internado, mas o terceiro fugiu. A arma utilizada pelos bandidos era, na verdade, uma réplica.

 

A vítima e o PM escaparam sem ferimentos, e o caso foi registrado no plantão do 7º Distrito Policial de Guarulhos.

 

Fonte: SP Agora