Mortes por Covid-19 chegam a 12 em Guarulhos e há mais 48 em investigação

0
215

 

Nesta quinta-feira (9) mais uma morte foi registrada por coronavírus (Covid-19) em Guarulhos. Com isso, o número de óbitos sobe para 12, enquanto as mortes suspeitas, que podem ter sido ocasionadas pela doença e seguem em investigação, chegam a 48.  Os dados são do boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria da Saúde, que mostra ainda o aumento de casos suspeitos de 2.139 para 2.269, sendo que destes 107 foram confirmados, 318 descartados e 1.844 estão sob investigação.

 

 

O Centro de Combate ao Coronavírus (3C-Gru), que começou a funcionar como hospital de campanha nesta terça-feira (7), já tem nove pessoas internadas. Destas, seis são do sexo masculino, com idades entre 51 e 77 anos, e três do feminino, com 55, 56 e 71 anos. Dois homens estão internados na UTI, enquanto os outros pacientes seguem nos leitos da enfermaria.

 

O complexo, aberto para triagem no último dia 27, tem estrutura e capacidade para o atendimento de casos de infecção pelo novo coronavírus considerados de baixa, média e alta complexidade. Para tanto, conta com 14 respiradores mecânicos para pacientes graves e cerca de 200 profissionais, incluindo médicos, enfermeiros, equipe de limpeza, segurança, entre outros. O 3C-Gru está localizado próximo ao Hospital Geral de Guarulhos, ao lado do Clube Cecap, na avenida Odair Santaneli, 101.

 

Isolamento social 

 

O prefeito Guti e o secretário de Saúde, José Mario Stranghetti, têm realizado inúmeros apelos para que as pessoas só saiam de casa quando for extremamente necessário e utilizando máscara. Mesmo assim, muitas pessoas têm ido às ruas. A elas, Stranghetti reforça a mensagem. “Você que ainda não caiu sua ficha, não seja irresponsável com você e com quem ama. Porque muito pior do que o erro é o remorso. Não erre agora. Siga as orientações que o mundo médico está dando para todos nós. O isolamento social é absolutamente necessário nesta fase. Nós não vamos mudar o curso da virose. Nós queremos fazer com que ela demore na sua infecção para que nos dê tempo de nos preparar para salvar mais vidas”, ressaltou em uma das lives realizadas ao lado do prefeito nesta semana.