Annie 2014/1977

0
939

 

   Annie, um filme muuuito conhecido, ainda mais em 1977. Depois que vieram as gravações para o novo filme de Annie, que lançou em 2014, ai que muitas pessoas começaram a conhecer, até ai, eu já tinha ouvido falar, mas não tive lá muito interesse.

Annie, uma garota simpática, firme e forte com a vida, pra falar a verdade, nem tanto.. Annie, sofre nas mãos da maldita Srta. Hannigan, uma mulher adulta, que é diretora de um orfanato, onde cuida de mais ou menos 14 meninas órfãs. Srta. Hannigan, não é de bem com a vida, é muito ruim com as meninas, faz de mal a pior a elas, não da uma alimentação boa, não as vestem bem, batem nelas, e explora elas, mandando fazer comida, serviços domésticos e outras coisas piores. Mesmo por tudo isso acontecendo, desde pequena, Annie não deixa de lutar, a procura de seus pais, a garota tem um medalhão, onde carrega ele desde que se lembre por gente, o medalhão é quebrado, pois, quando ela foi pro orfanato, os pais ficou com a outra metade. Assim, ela tem essa esperança de um dia encontra-los, Annie foge diversas vezes do orfanato, com o pensamento de que vai conseguir um dia achar eles.

 

   O livro e o filme tem algumas controvérsias, mesmo pelo fato de eu ainda não ter assistido todo o filme (só um pedacinho), eu percebi claramente que tem MUITA diferença. O livro é claramente diferente do filme de 2015, os produtores “regravarão” porém fizeram uma diferença muito grande. Observem.. o livro é idêntico com o filme antigo de 1977.

 

   Terminei o livro em 3 dias, mas a minha desculpa por ter demorado tanto, é porque estudo a tarde, então a escola acabando comendo todo o meu tempo na semana, mas se pegar pra ler, um dia certinho tu termina, a leitura é leve, e esse é um dos livros que quanto mais você, mais você quer saber o final. Afinal Annie, é uma garotinha tão forte, e tão guerreira, que você acaba ficando curioso pelo final.

 

Autor: Thomas Meehan

Editora: Intrínseca

Páginas: 207

 

E vocês, já leram? Assistiram? O que acharam? Annie é um exemplo de ser humano, todos devemos lutar, afinal, “O sol vai sair amanhã. Pode apostar seu último centavo nisso”. Espero que tenham gostado dessa resenha!