São furtados 59 milhões de litros de água em Guarulhos por mês

0
507

 

As ligações clandestinas e fraudes no sistema de abastecimento atualmente correspondem a 5% do total em Guarulhos atualmente. Os famosos “gatos”, que resultam no furto de água, registrou em 2014 uma média de 59 milhões de litros furtados por mês na cidade, quantidade que poderia abastecer uma cidade de 17.878 pessoas, se levada em conta a média diária de consumo recomendada pela ONU (Organização das Nações Unidas).

 

vazamentos-guarulhos

O Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) de Guarulhos diz que realiza um programa de busca permanente de ligações clandestinas e fraudes e, a cada mês, são realizadas em média 1.500 vistorias em busca destas situações. Quando encontradas, as ligações clandestinas são eliminadas na hora, e o percentual de fraudes já chegou a ser de 15 % do total há cerca de cinco anos.

 

Além de cortar a ligação irregular, a autarquia aplica as penalidades previstas no Código de Posturas do Município de Guarulhos, artigos 65 e 81, que preveem a suspensão do fornecimento de água, multa que pode variar de 329,3808 UFGs (Unidade Fiscal de Guarulhos) até 14.639,1452 UFGs e lançamento do consumo estimado no período da irregularidade. Neste mês, 1 UFG corresponde a R$ 2,6512.

A perda total de água na cidade, que considera os vazamentos, ligações clandestinas, erros de medição e furtos de água, foi de 35% do total em 2014. Em 2000, essa tava era de 51,06%, e o avanço se deve ao Saae Guarulhos ter conseguido antecipar os investimentos para reduzir o índice de perdas. A média nacional atual de desperdício no Brasil é de 40%.

 

Fonte: Guarulhos Hoje