Procon Guarulhos orienta população sobre fraudes na Black Friday

0
167

 

Em novembro o comércio em geral inicia as promoções da Black Friday, que este ano cai no próximo dia 24, para atrair o consumidor às compras aproveitando o recebimento da primeira parcela do 13º salário. Diante disso, o Procon Guarulhos disponibiliza diversas orientações à população para que tal período não se transforme numa “black fraude”, ou seja, numa enganação.

 

 

A primeira dica é realizar a pesquisa da mercadoria alvo e verificar a evolução de preço nos dias e semanas anteriores à Black Friday para evitar cair em falsas promoções. Desse modo, quando chegar a data oficial da promoção, terá o conhecimento do preço médio que vinha sendo cobrado pelo produto.

 

Alguns fornecedores utilizam de má-fé e, aos poucos, vão aumentando o valor da mercadoria ou serviço para que, no dia da Black Friday, possam dar um falso desconto, sendo que estão apenas retomando o valor normalmente cobrado. Na edição anterior do evento, houve registro de um fone de ouvido que no dia 3 de novembro era vendido por R$ 200. No dia 10 do mesmo mês passou para R$ 250 e na semana seguinte já estava R$400. Na Black Friday o produto voltou ao valor inicial, ou seja, R$ 200 reais.

 

O órgão de defesa do consumidor aconselha que o consumidor faça uma cópia (print) ou fotografe a oferta do produto já neste início de mês e acompanhe o preço durante os dias e semanas seguintes. No dia da Black Friday, deve-se conferir se de fato a mercadoria desejada tem desconto real. Se constatada a divergência no valor, o estabelecimento pode ser denunciado ao Procon e o fornecedor deverá cumprir o desconto ofertado.

 

O consumidor também deve ficar atento aos anúncios em redes sociais cujas mercadorias apresentem preços demasiadamente reduzidos, pois, na grande maioria das vezes, trata-se de perfis falsos utilizados para aplicar golpes.

 

“O Procon intensificará as fiscalizações monitorando a evolução de preços de sites e do comércio local contra ao abuso da falsa promoção. Uma vez constatada a fraude, o fornecedor estará sujeito ao o procedimento administrativo sancionatório, conforme artigo 37 da Lei Federal nº 8.078/1990 – Código de Proteção e Defesa do Consumidor”, alerta a coordenadora do Procon Guarulhos, Vera Tulher.

 

A coordenadora do órgão esclarece que no dia 24 o Procon fará um plantão de 24 horas para atender as denúncias e exigir o cumprimento das promoções que foram informadas aos consumidores.

 

Canais de atendimento

 

O Procon atende pelo Disque-Denúncia 151 e pelo site procon.guarulhos.sp.gov.br.

 

De forma presencial, o atendimento à população é realizado de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, em três unidades:

 

Procon Central: rua Sete de Setembro, 164, Centro

Procon São João: rua Mesquita, 161, Jardim São João – Telefone: (11) 2408-4315

Procon Pimentas: estrada do Capão Bonito, 53, Conjunto Marcos Freire (prédio do CIC) – Telefone: (11) 2484-1070