Prefeitura resgata cachorro espancado no Jardim Santo Afonso e agressor é preso

0
57

 

O Departamento de Proteção Animal (DPAN) de Guarulhos resgatou um cão muito machucado e em estado crítico nesta segunda-feira (19) em uma residência na rua Itaporã, no Jardim Santo Afonso. Seu tutor, um homem acusado por vizinhos de espancar o animal em muitos episódios violentos agravados pelo uso de drogas, foi preso pela Guarda Civil Municipal (GCM) por crime ambiental.

 

As equipes, junto a médicos veterinários e à ativista de proteção animal Luisa Mell, encontraram o animal sem reação embaixo de uma escada no quintal da residência, com os olhos machucados e com sangue, ferimentos pelo corpo e pelagem completamente suja e embaraçada. Havia outro cachorro na casa, mas de acordo com as testemunhas apenas o cão mais velho era agredido.

 

O cachorro violentado foi internado no hospital veterinário da Apasfa (Associação Protetora de Animais São Francisco), na Vila Maria, onde será cuidado, medicado e observado. O outro cão foi levado a um lar solidário para animais domésticos.

 

O tutor do animal foi preso em flagrante e encaminhado à Delegacia de Investigações Sobre Infrações Contra o Meio Ambiente (Dicma), onde a autoridade lavrou boletim de ocorrência por maus-tratos, artigo 32 da lei de crimes ambientais contra animais, incluindo domésticos, que determina reclusão de dois a cinco anos, multa e proibição da guarda à pessoa que abusar, maltratar, ferir ou mutilar cão ou gato.