Operação Cavalo de Aço fiscaliza 217 motociclistas, aplica 40 multas e apreende 20 motos

0
122

 

Ao longo de seis dias (de 22 a 27 de dezembro) a operação Cavalo de Aço abordou 217 motocicletas, averiguou 278 pessoas (três acabaram sendo detidas), multou 40 infratores e apreendeu 20 motos em Guarulhos. A operação vai continuar até 31 de dezembro.

 

As penalidades foram aplicadas pelos mais diversos motivos, entre eles o de rodar com a viseira totalmente levantada, avançar sinal vermelho, conversão proibida e transitar na contramão, além de trafegar com o escapamento aberto, provocando barulho. Na média foram utilizados no patrulhamento 30 guardas civis municipais (GCMs), além de dez viaturas e mais seis motos.

Um guarda foi atropelado

O caso mais grave envolvendo um GCM aconteceu na noite do dia 22, terça-feira, quando um agente ficou ferido após ser atropelado por um motociclista durante bloqueio realizado na rua Maria Cerri, no Jardim Divinolândia.

Por volta das 22h30, o condutor de uma motocicleta Yamaha Fazer não respeitou a solicitação de parada, acelerando o veículo e atingindo o guarda. O infrator acabou se desequilibrando com o choque e caiu da motocicleta. O GCM sofreu uma contusão no tornozelo esquerdo e foi encaminhado para o hospital Nipo-Brasileiro, em São Paulo, onde foi medicado e liberado.

O condutor da motocicleta, que não tinha habilitação para conduzir o veículo e aparentava estar embriagado, foi socorrido ao Hospital Padre Bento, medicado e liberado, já que teve apenas escoriações leves.