Oficina de Danças Circulares celebra a cultura carnavalesca no Bosque Maia

0
65

 

Neste domingo (25), das 10h às 12h, será realizada a Oficina de Danças Circulares, uma oportunidade de explorar as expressões musicais e de dança que celebram o espírito carnavalesco na cultura brasileira. A atividade, que ocorre mensalmente do Bosque Maia, ainda abordará a prevenção das infecções sexualmente transmissíveis, alinhando-se à campanha Fevereiro Pink como parte do programa Movimenta Saúde.

 

 

Interessados em participar da atividade gratuita e aberta ao público só precisam comparecer com roupas leves e confortáveis. Durante a atividade os focalizadores concentram e conduzem os participantes pelo passo a passo das coreografias e por meio do ritmo, da melodia e dos movimentos os integrantes da roda são inspirados a respeitar, aceitar e honrar as diferenças.

 

À medida que as danças são internalizadas a experiência se torna uma celebração da diversidade, promovendo saúde e valorizando as particularidades de públicos diversos, de todas as faixas etárias. “A dança revela a alma de um povo por meio da expressão de emoções e sentimentos, que adquire novo sentido quando realizada em roda, de mãos dadas, em uma conexão consigo, com o outro e com o ambiente, especialmente num parque onde pulsa a vida”, destacou a focalizadora Vilma Carneiro.

 

Os outros focalizadores são Denise Castanho Antunes, principal articuladora das Danças Circulares na cidade, Vânia Barrada, Fabú Valente e Luy Viana. A novidade deste mês é que a artista Renate Sewing produzirá uma mandala, com as cores relacionadas com o mês de promoção de saúde preconizado pelo programa Movimenta Saúde, que ao final da roda será sorteada.

 

Serviço

 

O Bosque Maia está localizado na avenida Paulo Faccini, s/n°, no Centro.