Mais de 4 mil casos confirmados de dengue em Guarulhos

0
821

 

Os casos confirmados de dengue na cidade chegaram a 4.066, conforme relatório semanal da Vigilância Epidemiológica divulgado ontem. O número representa um aumento percentual de 17% em relação ao estudo anterior, que apontava 3.470 pessoas infectadas. Da última quinta-feira (16) até ontem, a Secretaria de Saúde anotou 596 novas ocorrências da doença.

 

dengue-doença

 

Em uma semana, a Região IV (Pimentas/Cumbica) foi a que apresentou maior alta percentual de casos confirmados. Foram 383 contra 302 ocorrências, uma diferença de 81registros ou 27% de alta. Contudo, o coeficiente de incidência da localidade está em 91,13 e não é considerado uma epidemia. Para chegar a esse status a doença deve apontar uma incidência superior a 300 episódios por 100 mil habitantes.

 

Este é o caso da Região III (São João/Bonsucesso) que apresenta uma incidência de 736,14 e um total de 2.129 casos. São 306 confirmações a mais do que o último estudo (1.823), uma alta de 17%.

A pesquisa semanal aponta que a Região II (Cantareira) chegou a 831 infectados. Um aumento de 17% e 104 ocorrências a mais do que o quadro passado (709). A incidência é de 183,93.

 

Já a Região I (Centro) registrou 723 casos contra 636 da pesquisa anterior, ou seja, um aumento de 14% e 87 episódios a mais. A incidência está em 207,77.

 

Reforço para o combate – De acordo com a Saúde, as conversações prosseguem sobre a participação do Exército na luta contra o mosquito transmissor da doença. A pasta acredita que há boas expectativas de apoio do TG de Guarulhos.

 

Além do apoio das forças armadas, a prefeitura vai investir cerca de R$ 34 mil na locação de 16 tendas que serão usadas para atender os pacientes com dengue e os casos suspeitos. Serão oferecidos acolhimento, terapias de reidratação oral e endovenosa, além de observação da evolução do quadro dos pacientes, sempre de acordo com as necessidades e estruturas das unidades onde serão instaladas. Os locais e datas das instalações ainda serão definidas.

 

Fonte: Guarulhos Hoje