Guarulhos recebe verba estadual para conclusão do Instituto da Saúde da Mulher

0
115

 

Nesta terça-feira (21), o governador em exercício, Rodrigo Garcia, liberou R$18 milhões, do custo estimado em R$23 milhões, para a conclusão do prédio do Instituto da Saúde da Mulher de Guarulhos, que está com a obra paralisada desde 2015. A Prefeitura de Guarulhos, que doou o terreno para a construção do serviço em 2008, completará o restante do custo e iniciará a contratação para a obra em janeiro de 2022.

 

 

O Instituto da Saúde da Mulher de Guarulhos, localizado ao lado da Maternidade Jesus, José e Maria (JJM), no Parque Renato Maia, será destinado ao atendimento ginecológico hospitalar, ambulatorial e cirúrgico às pacientes de Guarulhos e do Alto Tietê, além de contar com ambulatório para atendimento à mulher vítima de violência, serviço até então inexistente na cidade. A liberação do recurso contou com o apoio do deputado Jorge Wilson Xerife do Consumidor.

 

O prefeito Guti, que esteve presente na cerimônia, reforçou a importância da finalização desta obra, que teve início há mais de dez anos. “Estamos muito contentes em poder dar esse passo em direção a finalização de um instituto voltado totalmente à saúde da mulher, ampliando o trabalho já desenvolvido pelo JJM. A previsão para inauguração é de 12 a 14 meses após o início das obras, mas posso garantir que faremos o máximo para entregarmos o serviço o quanto antes para as mulheres da nossa cidade e do Alto Tietê”, concluiu.

 

Estrutura

 

O Instituto contará com 21 leitos de internação, 23 leitos de enfermaria e seis leitos Hospital Dia. A estrutura de quatro pavimentos terá profissionais em especialidades como Cirurgia Ginecológica, Mastologia, Ginecologia Endócrino/Climatério, Uroginecologia e Planejamento Familiar.

 

A perspectiva é a que a unidade oferte 3,6 mil consultas, 10 mil exames e 403 cirurgias mensais às moradoras dos municípios de Guarulhos, Arujá, Biritiba-Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá, Salesópolis, Santa Isabel e Suzano.