GCM Ambiental de Guarulhos resgata filhotes de macaco, de coruja e de urubu

0
298

 

A Inspetoria Ambiental da Guarda Civil Municipal (GCM) de Guarulhos resgatou nesta quinta-feira (20) um filhote de macaco da espécie sauá (Callicebus personatus), endêmica da Mata Atlântica, dentro de uma sala da AmBev, empresa localizada na região do Água Chata. Os funcionários estavam em reunião, quando o bichinho entrou no local. A coordenação ambiental da companhia logo acionou os agentes, que retiraram a macaquinho com tranquilidade do local utilizando equipamentos adequados.

 

 

O filhote, que está abaixo do peso ideal , foi levado ao Zoológico Municipal, no Jardim Rosa de França, onde está sendo alimentado e cuidado pelos biólogos e veterinários do parque. Após atestada sua saúde plena e capacidade de viver em natureza, o macaco poderá ser libertado na natureza.

 

Por ser um bebê, viver em bando e ser uma espécie endêmica, que vive em áreas limitadas, o pequeno sauá provavelmente não sobreviveria em área urbana. “É a primeira vez que resgatamos um exemplar desta espécie na cidade em 13 anos de trabalho. Infelizmente, ele deve ter se perdido do bando”, explicou o inspetor da GCM Ambiental, Pedro Sarmento.

 

Outros resgates

 

Mais dois filhotes foram resgatados pela GCM Ambiental na última semana. Um deles, uma coruja, foi encontrada por funcionários de uma empresa de Cumbica após adentrar a cabine de pintura em que trabalhavam. O outro, um urubu, foi resgatado em uma via pública do Parque Jurema, onde sofria risco de atropelamento, entre outros.  Ambos também estão no Zoo Municipal, onde recebem cuidados para que cresçam saudáveis, uma vez que ainda são bebês e estão longe de suas famílias.

 

A GCM alerta para o perigo que a destruição da natureza gera aos animais silvestres. Alguns bichos migram para as áreas urbanas para fugir de queimadas, de desmatamentos e demais agressões ao meio ambiente. Para comunicar a inspetoria ambiental sobre infrações contra a faúna e a flora ou solicitar resgates de animais, basta ligar para 153.