CPTM apresenta à Prefeitura de Guarulhos projeto de expansão de trem até Bonsucesso

0
50

 

A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) apresentou nesta quinta-feira (2), a um grupo da Secretaria Municipal de Governo que trabalha em grandes obras, o projeto de expansão da linha 13-Jade até a região de Bonsucesso, que prevê a construção de mais quatro estações após a Aeroporto-Guarulhos: Jardim dos Eucaliptos, São João, Presidente Dutra e a própria Bonsucesso.

 

Foto: Nícollas Ornelas/PMG

 

O leilão para a execução das obras, que serão tocadas pela iniciativa privada, deverá ser feito até o final deste ano. A previsão do Governo do Estado é que a extensão da linha 13 em Guarulhos contemple 11 km de trilhos, em um investimento de R$ 2,3 bilhões para atender aproximadamente 39 mil pessoas por dia, além de uma conexão com a futura expansão da linha 14-Ônix da CPTM, que ligará o bairro dos Pimentas à região do ABCD, e da compra de mais trens, que irão permitir o embarque de passageiros com um intervalo menor de tempo.

 

Além da construção das estações em si, o projeto da Secretaria de Parcerias e Investimentos do Estado prevê melhorias em seus entornos. Haverá, por exemplo, bicicletários e requalificação viária nas proximidades das quatro estações. A cerca de 200 metros da estação Jardim dos Eucaliptos (região das Malvinas), na rua Jamil João Zarif, haverá integração com linhas de ônibus.

 

Por sua vez, a estação São João da CPTM ficará a 200 metros do terminal de ônibus daquele bairro, enquanto que a estação Presidente Dutra ficará ao lado do CEU homônimo e terá também integração com linhas de ônibus para facilitar o acesso da população. Por fim, ao lado da estação Bonsucesso da CPTM será erguido um novo terminal de ônibus, tornando essa a estação com a maior conectividade com outro modal de transporte.

 

O leilão da CPTM prevê ainda a extensão na outra ponta da linha 13-Jade, com mais duas estações: Gabriela Mistral e Engenheiro Goulart, na cidade de São Paulo. Haverá ainda obras nas linhas 11-Coral e 12-Safira, também na Capital. O governo estadual prevê que todas as obras citadas estejam finalizadas em no máximo dez anos. Elas representarão cerca de 100 km a mais de trilhos, em um investimento de R$ 12,1 bilhões que englobará outras cidades da Região Metropolitana de São Paulo e que, portanto, facilitará o acesso do guarulhense a elas.