Bancários de Guarulhos entram em greve

0
452

 

Os bancários de Guarulhos entram em greve a partir de hoje por tempo indeterminado. A decisão pela paralisação foi tomada em assembleia realizada na noite de ontem, quando a categoria rejeitou proposta de reajuste salarial e de outros benefícios apresentados pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban).

 

Os bancários de Guarulhos entram em greve a partir de hoje por tempo indeterminado. A decisão pela paralisação foi tomada em assembleia realizada na noite de ontem, quando a categoria rejeitou proposta de reajuste salarial e de outros benefícios apresentados pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban). Segundo o Sindicato dos Bancários de Guarulhos e Região, há 100 agências na cidade que devem gradativamente aderir ao ato.

greve-bancos-guarulhos

 

No ano passado, a paralisação, que ocorreu em outubro, durou 23 dias.A pauta de reivindicações da categoria prevê 12,5% de reajuste (com 5,8 % de aumento real), PLR de três salários mais R$ 6.247,00, fim das metas abusivas e assédio moral, fim das demissões e combate à terceirização, além de segurança nas agências.Com orientação do Comando Nacional dos Bancários, coordenado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), sindicatos de bancários em todo o país realizaram assembleias nos últimos dias.  A Fenaban propõe reajuste de 7% nos salários (0,61% de aumento real) e 7,5% no piso (1,08% acima da inflação), dentre outros itens.

 

O modelo de pagamento da PLR é o mesmo do ano passado, apenas com o reajuste de 7% nos valores.“Os bancos que atuam no país continuam tendo a mais alta rentabilidade de todo o sistema financeiro internacional. Somente os seis maiores tiveram lucro líquido de R$ 56,7 bi em 2013 e mais R$ 28,5 bi no 1º semestre deste ano, sobretudo pelo empenho e à produtividade dos bancários.

 

Os banqueiros só valorizam os altos executivos e atendem as reivindicações da categoria”, afirmou Carlos Cordeiro, coordenador do comando.

 

Fonte: Guarulhos Hoje