Ação conjunta da Prefeitura autua 35 estabelecimentos no final de semana

0
91

 

Neste final de semana (dias 5, 6 e 7), em ação conjunta da Prefeitura de Guarulhos envolvendo a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (SDU), a Vigilância Sanitária, a Guarda Civil Municipal e a Polícia Militar, 35 estabelecimentos foram autuados na cidade por descumprimento às determinações da fase vermelha do Plano São Paulo, do governo estadual.

 

No sábado e domingo, em que apenas serviços essenciais podiam oferecer atendimento presencial aos clientes, 24 estabelecimentos como bares, adegas, restaurantes, salões de cabeleireiro, academias e lojas de roupas que estavam funcionando livremente foram autuados.

Já na sexta-feira, quando foram autuados 11 estabelecimentos, a cidade ainda não estava na fase vermelha, atual classificação de Guarulhos, mas os estabelecimentos estavam funcionando fora do horário permitido até então. Além disso, três estabelecimentos foram lacrados nos bairros Vila Galvão, Parque Alvorada e Jardim Flor da Montanha.

“Montamos uma operação em que as equipes de fiscais foram para diversos bairros ao mesmo tempo. Pudemos observar que a maioria dos comerciantes estavam conscientes das determinações e respeitando as orientações. Vimos muitos que estavam trabalhando apenas com entrega e retirada, sem atendimento presencial dentro do espaço físico dos locais”, comentou Bruno Gersósimo, secretário de Desenvolvimento Urbano (SDU), pasta responsável pela fiscalização.

As fiscalizações aconteceram nos bairros Jardim Presidente Dutra, Bonsucesso, Jardim Ponte Alta, Jardim Cumbica, Conjunto Paes de Barros, Jardim Lenize, Pimentas, Conjunto Marcos Freire, Cidade Seródio, Jardim Bom Clima e Centro, nas principais avenidas, que geralmente concentram o comércio local, e também nas ruas adjacentes. A Guarda Civil Metropolitana acompanhou as equipes de fiscalização durante o dia para garantir que não houvesse nenhuma intercorrência ou perigo aos servidores. No período noturno, as equipes também foram acompanhadas de viaturas da Polícia Militar.