Moradores protestam contra Rodoanel

1
499

 

Moradores da Vila União (Região Taboão) fecharam na segunda-feira, 16, um trecho da Rua Granito para protestar contra a falta de infraestrutura do bairro e também os transtornos provocados, segundo eles, pelas obras do Rodoanel Norte.

 

A Prefeitura disse em nota que “existem estudos” para a realização de obras de infraestrutura na Rua Granito e também nas Ruas Reta e Olaria. Nenhum detalhe sobre o estudo foi informado. A Construcap, responsável pelas obras do Rodoanel, não se manifestou até a conclusão desta reportagem.

 

vila-uniao-guarulhos

Ato – Moradores fecharam trecho da Rua Granito em manifestação (Foto: Silvio Cesar)

 

Segundo o pedreiro José Aldo da Silva, 45, as obras do Rodoanel realizadas em um morro da região provocam deslizamento de terra em dias de chuva. “A lama desce pelo morro e invade ruas e casas.”

 

Ele acrescentou que os caminhões da Construcap também provocam o rompimento das redes de esgoto das ruas – que não são pavimentadas.

 

Além disso, o técnico em eletrônica Gleidson da Silva Chacon, 30, afirmou que cinco casas que foram desalojadas por causa das obras se tornaram ponto de venda e consumo de drogas. “Por causa disso, quando fica escuro, as pessoas ficam com medo de passar na região”, disse.

 

A Polícia Militar não comentou o assunto até o fechamento da edição impressa.

 

A lama que escorre pelo morro assoreou o córrego Capão da Sombra, que transborda por causa disso em dias de chuva. “Falta tudo aqui no bairro. O problema é o jogo de ‘empurra’ que  Prefeitura faz com a Construcap”, afirmou Chacon.

 

Fonte: Folha Metropolitana