Chacina no São João pode ter sido acerto de contas entre traficantes

0
484

 

A principal linha de investigação da Polícia Militar (PM) a respeito da chacina que deixou cinco mortos e três feridos no Jardim São João, é a de acerto de contas entre traficantes. O crime aconteceu na madrugada desta quinta-feira, 1º, em dois bares da região da Estrada de Nazaré Paulista.

 

chacina-em-guarulhos

 

Testemunha ouvida pelo G1, disse que ouviu cerca de 30 tiros disparados por quatro homens. Ele também contou suspeitar que as execuções tenham sido feitas por grupo de extermínio formado por policiais militares. Segundo a testemunha, momentos antes e depois da chacina passaram viaturas da Polícia Militar na frente dos bares.

 

As vítimas do ataque foram: Maria da Conceição de Jesus Alves, de 55 anos; Alecsandro de Jesus Alves, de 37 anos; Adelson Leite da Silva, 24 anos; Vanderlei Cavalcante Ramos Melo, de 35 anos e John Lennon Pires de Carvalho, de 26 anos.

Dos três feridos, dois estão em estado estável e um está em estado grave.

 

Fonte: Click Guarulhos