Vedacit Vôlei Guarulhos estreia dia 30, na Superliga 2021/22 e tem Franco, o maior pontuador do Paulista

0
107

 

O Vedacit Vôlei Guarulhos, vice-campeão paulista 2021, estreia a sua segunda participação na Superliga Masculina 2021- 2022, no próximo dia 30, às 18 horas, no Ginásio da Ponte Grande (Arnaldo José Celeste). O primeiro adversário será Azulim/Gabarito/Uberlândia (AGU). O jogo, que terá transmissão pelo Canal Vôlei Brasil/TVN Sports, contará com a presença da torcida, que só poderá ocupar 25% das arquibancadas, seguindo o acordo de restrições sanitárias contra a covid-19. Os portões serão abertos às 16h30.

 

Foto: Duda Bairros

 

Os ingressos já começaram a ser vendidos, 100% on-line, pelo aplicativo www.sympla.com.br/estreia-superliga-2122-vedacit . Os preços: inteira – R$ 30,00 (+ 3,00 taxa) e meia-entrada R$ 15,00 (+ 2,50 taxa). Para ter acesso aos jogos o torcedor precisará apresentar comprovante de duas doses da vacina contra covid-19. Quem tiver comprovante de apenas uma dose deverá ter em mãos o resultado do exame PCR/RT, realizado até 48 horas antes ou antígeno com 24 horas da partida. Será obrigatório manter o distanciamento e o uso de máscara. Não será permitido o consumo de alimentos ou bebidas, dentro do ginásio.

 

VVG aposta no elenco renovado

 

Nesta temporada o Vedacit Vôlei Guarulhos contará com um elenco renovado, em relação ao ano passado, quando a equipe se classificou em 9º. lugar e se manteve na elite do voleibol nacional. Os jogadores foram apresentados no mês de julho, antes do início do Campeonato Paulista 2021. De acordo com o técnico Guilherme Novaes, a competição estadual serviu para a integração entre os novos contratados e os jogadores que disputaram a Superliga 2020/21.

 

Com o objetivo de chegar às finais da competição e disputar o título da liga principal foram contratados os jogadores Franco (oposto); Renato Pato (ponta); Batagim (ponta); João Franck (ponta); Alejandro (central); Rogerinho (líbero); Nicomedes (levantador); Marcão (central) e Babu (central). Além dos jogadores que renovaram contrato: o experiente Sandro Carvalho (capitão/levantador); Deivid (ponta); Geovane Kuhnen (central) e Pantaleão (oposto).

 

O oposto Franco William Cargnin Paese, de 31 anos, 2,01 metros, é a grande aposta para esta nova temporada. Franco se consagrou no time como o maior pontuador durante o Campeonato Paulista, marcando um total de 251 pontos, sendo 221 de ataque (53% de eficácia), 9 de saque, 21 de bloqueio, com uma média de 22 pontos por jogo. Na avaliação do técnico Guilherme Novaes, uma das qualidades do Oposto é ser um jogador eficaz, em todos os fundamentos em quadra. “Além de ser um grande pontuador, o Franco é extremamente técnico”, disse Novaes.

 

Além disso, o VVG conta com a habilidade do jovem João Frank, de apenas 22 anos, que acaba de ser convocado para disputar os Jogos Pan-Americanos Júnior, pela Seleção Brasileira Sub-23, a convite do técnico Renan Dal Zotto. A notícia foi comemorada pelo técnico do time guarulhense: “O João é um atleta jovem com potencial tremendo, favorecido pela ótima estatura para ocupar sua posição de ponteiro”, disse Guilherme Novaes ao ressaltar os 2,03 metros de altura do jogador.

 

Sobre a disputa na temporada da Superliga Masculina 2021-22, o presidente esportivo, Anderson Marsili, diz que o título de vice-campeão no Paulista certamente eleva a autoestima da equipe, mas também aumenta o nível de exigência pela importância da competição. “Acredito que esta seja a Superliga mais disputada dos últimos anos, devido ao equilíbrio enorme entre as equipes participantes. Qualquer ponto em casa e fora de casa vai valer muito”, avaliou ele.

 

Marsili diz que, em relação ao investimento nos atletas, a expectativa é das melhores. “A expectativa é exatamente pelo time que nós criamos, pela consciência e pelo padrão de jogo que temos hoje. Conseguimos elevar a competitividade com o nível dos atletas que agregamos ao grupo. O objetivo é brigar pelos playoffs e com certeza o resultado no Paulista, nos dá a possibilidade de subir mais um degrau e com passos firmes pensar numa caminhada longa”, conclui o presidente esportivo do VVG.

 

A Superliga Masculina 2021/2022 terá a participação de 12 equipes. Os oito melhores se classificarão para as quartas de final e os dois piores serão rebaixados. Estão na disputa, além do Vedacit Vôlei Guarulhos: Blumenau, Brasília, Campinas, Cruzeiro, Goiás, Minas, Montes Claros, São José dos Campos, Sesi-SP, Natal e Uberlândia.