Thomeozão pode ter foco de Aedes aegypti

0
1254

 

Um leitor enviou fotos da marquise do Ginásio Thomeozão, localizado na rua João Bernardo Medeiros, 765, após um dia de chuva. Se observarmos, a água está acumulada nos espaços sobre a laje, formando bacias de água, tornando-se assim, potenciais criadouros do mosquito Aedes aegypti.

 

thomeuzao-guarulhos-dengue

 

A assessoria da Secretaria de Esportes, Recreação e Lazer explica que, quando chove, ficam alguns pontos com água, por isso, é feita operação de limpeza logo em seguida para evitar, justamente, que se formem criadouros do mosquito Aedes aegypti. A ação, entretanto, só pode ser feita com o cessar da chuva.

 

Fonte: Click Guarulhos