Suposto entorpecente K4 é apreendido em unidades prisionais da Capital e Grande SP

0
120

 

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informou sobre as apreensões de ilícitos realizadas nas unidades prisionais da Capital e de Guarulhos.

 

Capital

 

Agentes de segurança do Centro de Detenção Provisória Chácara Belém I apreenderam cinco tiras de papel amarelo, suposta droga sintética K4, escondida entre folhas de caderno. O objeto com o ilícito foi enviado a um custodiado da unidade prisional via correio, por seu pai.

 

O entorpecente apreendido foi encaminhado para o 81° Distrito Policial da Capital para averiguação e registro de Boletim de Ocorrência.

 

Guarulhos

 

Na última quinta-feira (20), na Penitenciária II “Adriano Marrey” de Guarulhos, durante a revista realizada nas correspondências, os agentes de segurança penitenciária encontraram 229 pedaços de papel de suposta droga sintética K4. Os ilícitos estavam escondidos no cós de uma bermuda enviada pela companheira de um custodiado.

 

Os entorpecentes foram encaminhados para o 8° Distrito Policial de Guarulhos para registro de Boletim de Ocorrência e demais providências necessárias.

 

Franco da Rocha

 

Na Penitenciária II “Nilton Silva” de Franco da Rocha, 350 pedaços de suposto entorpecente K4 foram apreendidos na última quinta-feira (20). Os ilícitos foram encontrados em duas correspondências diferentes destinadas a custodiados da unidade prisional.

 

Em uma das situações, dois pedaços do papel similares ao K4 estavam escondidos dentro de uma garrafa PET contendo creme hidratante. O segundo flagrante apreendeu 348 unidades de papel de suposto K4, cortados em pequenos quadrados, dentro de prendedores de madeira.

 

Ainda na PII de Franco, na sexta-feira (21), 273 pedaços de papeis, suposto K4, foram encontrados camuflados no interior de prendedores de roupa de madeira. A remetente dos ilícitos teria sido a companheira de um custodiado.

 

Os itens apreendidos foram encaminhados ao Distrito Policial do município.