Prefeitura autua três mercados por infringirem novas regras de atendimento ao público

0
136

 

A Prefeitura de Guarulhos iniciou no último sábado (11) as autuações a hipermercados, supermercados e mercados da cidade que estavam em desacordo com o decreto 36.792/2020, publicado na última terça-feira (7), que fixou novas regras para funcionamento e atendimento ao público para todos os estabelecimentos que foram autorizados a funcionar durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19).Dos sete estabelecimentos fiscalizados, três não respeitavam as novas diretrizes.

 

 

Os três locais autuados no sábado ficam nas regiões Macedo (falta de licença e funcionários sem máscara), Centro (funcionários e idosos sem máscara e ausência de barreiras físicas no caixa) e Jardim Cumbica (funcionários sem máscara e falta de barreiras). Os demais locais que passaram por fiscalização estão nos bairros Jardim Bom Clima, Vila Rio de Janeiro, Jardim Maia e Recreio São Jorge e estavam em conformidade com o novo decreto.

 

O decreto limita o número de clientes em atendimento para evitar aglomerações, determina a colocação de barreiras físicas para proteção de funcionários, bem como a instalação de lavatórios ou colocação de álcool em gel para higienização e uso do público e de funcionários, demarcação no solo de espaços destinados às filas e uso obrigatório de máscaras para funcionários e idosos.

 

Trabalhos de fiscalização

 

Uma ação conjunta da Prefeitura de Guarulhos, envolvendo a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (SDU) e a Guarda Civil Municipal (GCM), com apoio da Polícia Militar (PM) e de agentes da Secretaria de Trânsito e Mobilidade Urbana (STMU), continua em andamento em toda a cidade. O objetivo é fiscalizar, autuar e fechar estabelecimentos comerciais que estejam descumprindo o decreto municipal que suspendeu as atividades do comércio não essencial como forma de evitar aglomerações e o contágio pela Covid-19.

 

Só nos últimos quatro dias foram verificadas 120 denúncias, com o fechamento de 46 estabelecimentos. Foram autuados e tiveram suas atividades suspensas bares, bilhares, tabacarias, lanchonetes, comércios varejistas de bebidas (adegas), padarias, mini-mercados, trailer e pizzaria em diferentes bairros da cidade, como Parque Continental, Torres Tibagy, Vila Barros, Parque Santos Dumont, Jardim Presidente Dutra, Vila Nova Bonsucesso, Vila Carmela, Lavras, Parque Jurema, Jardim Ponte Alta e Jardim Santa Cecília, entre outros.

 

A fiscalização averiguou denúncias em outros pontos da cidade, como Cidade Seródio, Parque Cecap, Jardim Cumbica, Vila Nova Bonsucesso, Parque São Luiz, Parque Alvorada, Parque Estela, Água Chata e Sítio dos Morros, onde os estabelecimentos já se encontravam fechados em obediência à determinação municipal.

 

A Prefeitura de Guarulhos pede a colaboração da população para que continue denunciando estabelecimentos que estejam abertos, ou seja, descumprindo a determinação sobre a suspensão das atividades. As denúncias podem ser feitas pelo número 153 da GCM ou pelos telefones 2453-6700 / 6701 / 6705, da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (SDU).