Pela Liga Nacional de Handebol, Pinheiros derrota Guarulhos e decide vaga contra Taubaté

0
149

 

Contando com o retorno do experiente e capitão da equipe, Diogo Hubner, e a boa atuação do juvenil ponta direita João Lindoso, a equipe do E. C. Pinheiros derrotou Guarulhos por 39×27 em jogo válido pela primeira fase da Liga Nacional de Handebol. Como saiu em primeiro do grupo, joga no próximo domingo (27), contra Taubaté, decidindo quem vai para a semifinal da competição da região sudeste.

 

Com uma defesa agressiva e saindo os contra-ataques com muita precisão, a equipe do Pinheiros começou bem a primeira etapa do jogo. Depois de um equilíbrio nos primeiros minutos, aos poucos, os comandados do técnico Washington Nunes foram abrindo vantagem, inicialmente com Phil Seifert, que marcou quatro gols, mas especialmente com a velocidade de João Lindoso, autor de três gols em contra-ataque para fechar o primeiro tempo em 21×13.

 

O segundo tempo, como era de se esperar, o time de Guarulhos buscou a reação. Porém acabou parando nas grandes defesas do goleiro Buda, inclusive pegando dois tiros de sete metros. Outro destaque da equipe foi Marquinhos Silva, que havia marcado três gols no primeiro tempo e terminou com oito na partida.

 

Nem mesmo as diversas mudanças na estrutura da equipe, com as substituições, fizeram com que o ritmo ofensivo e defensivo do ECP, diminuísse, fazendo também um quase perfeito segundo tempo para fechar o jogo em 39 x 27.

 

O técnico Washington Nunes não escondia a satisfação pela atuação do time. E tinha explicação. “Perdemos seis jogadores, tivemos que remontar o time. Trabalhamos duro, com muita defesa com mudanças estratégicas, e tendo a posse de bola, saiu o contra-ataque”, afirmou.

 

O jovem João Lindoso, de 18 anos, foi o destaque do jogo. Ele que esteve com a Seleção Brasileira Juvenil na Croácia, voltou cheio de conhecimentos e vontade no time principal do ECP. Marcou três gols no primeiro tempo e mais dois na etapa final. “Aprendi muita coisa na Seleção. Experiência que quero colocar em prática aqui no Pinheiros. Fico feliz pela vitória e sair como o MVP, melhor ainda”.

 

Para o experiente Phil Seifert, a defesa nos dois tempos foi o resultado da vitória. “Marcamos muito do começo ao fim. E o time está com uma energia boa. Foi cumprido às determinações do Washington (técnico) e fizemos um bom jogo para conseguir a vitória”, disse.

 

Jogaram e marcaram para o Pinheiros (38 gols), Mateus “Buda” Nascimento (Gonzalo Guerra), Fábio Lima (5), Gabriel Reis (2), Diogo Hubner (1), Marquinhos Silva (6), Phil Seifert (4), Carlos Magno (5), Guilherme Peixoto (2), Juan Gull (3), Lucas Duarte (3), Gabriel Griggio (1), Lindoso (5), Adamo (2), Renan e Rafael.