No CDP de Guarulhos II, mulher esconde entorpecentes característicos à maconha e à cocaína no forro da calça

0
437

 

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informa que, no último domingo, dia 5 de agosto, a companheira de um detento foi surpreendida tentando entrar no Centro de Detenção Provisória (CDP) II, de Guarulhos, unidade administrada pela Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Metropolitana de São Paulo (Coremetro), invólucros contendo entorpecentes escondidos no forro de sua calça.

 

 

A mulher foi pega com seis pacotes contendo substância esbranquiçada, dois com substância de cor preta e um com substância de cor esverdeada, todos costurados nas laterais de sua calça. O material foi registrado pelo aparelho de scanner corporal.

 

A visitante foi encaminhada ao 4° Distrito Policial de Guarulhos para registro de Boletim de Ocorrência e demais providências cabíveis. Deve-se observar que visitas flagradas tentando adentrar com objetos ilícitos em unidades prisionais são automaticamente suspensas do rol de visita.