Morador de rua pode ter morrido de frio no Centro de Guarulhos

0
297

 

Um homem de 74 anos, que vivia em situação de rua e se abrigava na entrada de um comércio, na esquina da rua Marajó com a avenida Paulo Faccini, no Centro, foi encontrado morto na madrugada desta segunda-feira, 5. A causa pode ter sido o frio. Em condições semelhantes, outro homem foi encontrado morto em Santo André. Ainda não é possível afirmar que o frio causou as duas mortes, mas, segundo a polícia, os corpos não tinham sinais de violência.

 

Corpo foi encontrado no cruzamento da rua Marajó com a av. Paulo Faccini

 

“Seo André”, como era conhecido, buscou abrigo numa área coberta, na frente de um dos comércios da rua Marajó com a av. Paulo Faccini. Ele estava envolvido em apenas uma coberta.

 

O segurança José Ricardo, que trabalha na região, disse que conhecia “Seo André” há mais de 20 anos. “Ele era uma pessoa agradável, o pessoal daqui acolhia e dava coisas pra ele: roupas e comida. Infelizmente chegou a esse ponto, ma ele era bem querido aqui pelas pessoas”, disse.

 

A Prefeitura de Guarulhos informou que já fez 219 atendimentos a pessoas em condições de rua este ano na cidade, ressaltando que quando o atendimento é recusado pela pessoa as equipes oferecem roupas, cobertores e alimentos. O outro homem encontrado morto dormia encostado no muro de um UBS no Centro de Santo André, no ABC Paulista.

 

Fonte: Click Guarulhos