Mãe de menor quer processar Guarda Municipal

0
641

 

A mãe de um adolescente, baleado na cabeça durante uma suposta troca de tiros no sábado, 20, afirmou que irá abrir um processo contra a Guarda Civil Municipal. Segundo a operadora de caixa Renata Mendes dos Santos, 33, seu filho, de 17 anos, foi baleado duas vezes na cabeça e está em coma no Hospital Geral de Guarulhos. “Por mais que meu filho tenha errado, a GCM não tinha o direito de atirar na cabeça dele. Poderiam ter acertado a perna”, lamentou.

 

menor-guarulhos

Confronto – Suspeitos teriam “aberto fogo” após avistarem os guardas (Foto: Beto Martins)

 

Segundo relatado pela Guarda à Polícia Civil, o menor e três comparsas, em duas motos, “perseguiam” uma vítima que estava em outra moto. O homem parou em frente à base ambiental da GCM. Os suspeitos teriam atirado ao ver os guardas, que revidaram.

 

O filho de Renata, que estava com uma arma de brinquedo, foi ferido na cabeça. Os comparsas fugiram. Instantes depois, Johny Andrade Galdino, 18, foi preso ao dar entrada no hospital Padre Bento. Ele foi ferido sem gravidade. O irmão dele, Maycon Andrade Galdino, 21, também foi preso.

 

Fonte: Folha Metropolitana