Macaco-barrigudo é o mais novo morador do Zoológico de Guarulhos

0
86

 

Ele pode até ter uma barriguinha saliente, mas é ágil como um raio. Pula pra lá e pra cá com a ajuda da cauda preênsil feita de puro músculo, fazendo muita bagunça por onde passa. Este é o jeitinho do macaco-barrigudo (Lagothrix lagotricha) Guaraná, espécie ameaçada de extinção, o mais novo morador do Zoológico de Guarulhos, no Jardim Rosa de França.

 

 

Sem condições de ser devolvido à natureza, o animal com cerca de dois anos de idade agora desfruta de um amplo recinto com plantas, brinquedos, alimentação apropriada, cuidados veterinários e atividades de enriquecimento ambiental desenvolvidas pela equipe do zoo. Mas a vida de Guaraná nem sempre foi fácil. Vítima do tráfico ilegal de animais, o macaco foi resgatado de situação de maus-tratos no Amazonas e precisou passar por uma longa reabilitação até ter condições de integrar o Plano de Ação Nacional para Conservação dos Primatas Amazônicos. A viagem até Guarulhos aconteceu há cerca de dois meses por meio do Avião Solidário, programa de apoio à conservação da biodiversidade desenvolvido pela empresa aérea Latam.

 

A diretora do Zoológico de Guarulhos, Fernanda Magalhães, falou sobre a chegada de Guaraná. “Nós temos ótimas condições de manter a espécie e, por isso, fomos autorizados a recebê-la aqui no zoo como uma forma de contribuir com a sua preservação. Agora estamos em busca de uma fêmea para formar um grupo reprodutivo”.

 

Para conhecer Guaraná, basta seguir à direita no final da alameda principal do zoo e procurar a placa de identificação.

 

O Zoológico de Guarulhos é gratuito e fica na rua Dona Gloria Pagnoncelli, 344, Jardim Rosa de França. Aberto de terça-feira a domingo, das 9h às 17h (entrada até as 16h30).