Guarulhos amplia cuidados às pessoas em situação de rua frente à Covid-19

0
155

 

Além aumentar o número de vagas em unidades de acolhimento, com a inauguração de dois equipamentos para receber pessoas em situação de rua neste mês, instalar torneiras comunitárias em espaços públicos de grande circulação e realizar a desinfecção de ruas e pontos de ônibus, a Prefeitura de Guarulhos também ampliou o horário de atendimento do Consultório na Rua do SUS (CnaR), dentro das medidas de enfrentamento da pandemia de coronavírus (Covid-19). Até o final de maio as equipes de saúde farão abordagens de segunda a domingo.

 

 

A iniciativa é baseada em documento emitido pelo Ministério da Saúde intitulado “Prevenção à Covid-19 no âmbito das equipes de Consultórios na Rua”. Por isso, os profissionais de saúde estão redobrando a atenção aos sinais e sintomas relacionados à síndrome gripal (febre + tosse ou dor de garganta ou dificuldade respiratória).

 

Dentre as ações realizadas neste período, as equipes do Consultório na Rua estão intensificando a busca ativa por possíveis sintomáticos através da aplicação de questionário elaborado pelo Ministério da Saúde (Fast Track), bem como fazem aferição de temperatura, da saturação e de outros sintomas gripais. Os profissionais utilizam uma linguagem acessível e orientam acerca das medidas preventivas, distribuindo máscaras confeccionas em tecido não tecido (TNT) para pessoas assintomáticas.

 

Nos plantões realizados aos finais de semana de abril foram avaliadas 181 pessoas em situação de rua, todas assintomáticas para Covid-19. Contudo, se for identificado algum caso suspeito, a equipe do CnaR oferecerá máscara cirúrgica para a pessoa e álcool em gel 70%, realizando o monitoramento médico dos pacientes, com orientações sobre os cuidados a serem tomados de acordo com a gravidade dos sintomas.

 

 

Cuidados

 

Os pacientes com sintomas leves serão encaminhados para equipamento da Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social (SDAS) para acolhimento e realização da quarentena. Em se tratando de quadro clínico de maior gravidade, o paciente será encaminhado a um serviço de urgência e emergência pela equipe do CnaR ou Samu. Os profissionais do Consultório na Rua do SUS também levantarão informações sobre os locais de passagem e permanência dos pacientes para realização da busca ativa de possíveis comunicantes.

 

Todo esse trabalho está sendo feito em parceria com a Pastoral do Povo da Rua. Em casos de pessoas em situação de rua com sintomas de Covid-19 a população pode acionar as equipes do Consultório na Rua do SUS pelo telefone  2475-8661. Já se for preciso solicitar auxílio a morador de rua sem sintomas de coronavírus, o telefone de contato é o da Equipe do Serviço Especializado em Abordagem Social: 2536-4110.