Custo de Tradução: saiba como calcular e comparar

0
128

 

Está cada vez mais fácil encontrar empresas de tradução na internet. Basta fazer uma pesquisa e logo se encontra um monte delas. Entretanto, o “excesso” de informação faz com que possa parecer difícil escolher a melhor ou mais adequada para cada situação. Sem contar que também é possível contratar um tradutor freela. Seja como for, é importante compreender como freelas e empresas calculam e apresentam seus preços, para poder comparar.

 

 

A importância da transparência

 

É essencial que a empresa de tradução de sua escolha atue com transparência, informando previamente qual será o preço de determinada tradução. Uma boa empresa não deverá “surpreender” o cliente com determinado valor depois de o trabalho estar feito; eventualmente o cliente estaria esperando um valor inferior. A ProTranslate, por exemplo, atua com transparência nesse quesito, como se pode ver acessando informação sobre Custo de Tradução em https://www.protranslate.net/pt/custo-de-traducao.

 

Métodos de cálculo

 

Os métodos de cálculo do preço são bem simples, para o cliente compreender o processo.

 

Por hora

 

O tradutor pode cobrar por cada hora de trabalho gasto na tradução. Esse método tem uma desvantagem. Caso o tradutor não se comprometa com um determinado tempo, o cliente só conhecerá o preço a pagar depois de a tarefa estar concluída.

 

Por número de palavras

 

Quando o profissional ou a empresa cobram segundo o número de palavras do documento original, o cliente já sabe no início quanto irá pagar. A questão de saber se vai demorar mais ou menos a tempo a traduzir deixa de interessar.

 

Por número de caracteres

 

Para documentos mais pequenos, a contagem de palavras pode ser substituída pela de caracteres. Os programas informáticos de edição de texto facilitam a contagem de caracteres e palavras.

 

O que está o cliente pagando?

 

No fundo, o cliente está sempre pagando aquilo que o tradutor entende ser o valor de seu trabalho. Mas além da experiência ou da qualidade, tem outros fatores objetivos que justificam que certas traduções fiquem um pouquinho mais caras.

 

Rapidez na conclusão do trabalho

 

Imagine que o tradutor ou serviço de tradução dá um prazo de três dias para finalizar o trabalho. Entretanto, o cliente quer para amanhã. É possível, mas o tradutor precisará acumular tarefas e trabalhar horas extra. A resposta é óbvia: o tradutor vai cobrar mais caro pela urgência. Cabe ao cliente decidir se pega ou não.

 

Tradução técnica?

 

O tradutor poderá apresentar um preço para uma tradução regular. Mas e se o cliente apresentar, para traduzir, um documento sobre os últimos desenvolvimentos em tecnologia de fusão nuclear? Não serão necessários conhecimentos específicos sobre essa matéria? Então, será preciso também um tradutor com competências específicas. As traduções técnicas são normalmente mais caras que as comuns.

 

Tradução juramentada: preços tabelados

 

Os custos de traduções juramentadas são tabelados, em cada estado, pela respetiva junta comercial. Nesse caso é mais fácil identificar o que será necessário pagar por cada trabalho ou tarefa. A tradução juramentada é elaborada por um tradutor público oficial, que concursou e foi admitido à profissão. O tradutor coloca sua assinatura, se responsabilizando pelo documento para que ele tenha valor legal perante qualquer instância pública (a nível federal, estadual ou municipal).