Casos de dengue em Guarulhos aumenta

0
544

 

O número de caso de dengues registrados em Guarulhos este ano, até o momento, é quase o dobro do mesmo período de 2013. Em 2014, até o fim de outubro, 5.195 casos da doença foram notificados na cidade, contra 2.625 no mesmo período do ano passado, o que representa um aumento de 98%. Ontem, o Ministério da Saúde divulgou os resultados do Levantamento Rápido do Índice de Infestação de Aedes Aegypti (LIRAa), que mostra que o número de casos de dengue registrado no país caiu 61% de janeiro a outubro deste ano, em comparação a 2013.

O número de óbitos decorrentes da doença também apresentou um grande aumento em Guarulhos, indo de uma morte nos dez primeiros meses de 2013, para quatro registros este ano. Assim como no número de casos da doença, o cenário nacional é diferente do apresentado no município. O número de pessoas que morreram por causa da dengue caiu de 646 no ano passado para 379 em 2014.

dengue-guarulhos

O trabalho de combate à dengue em Guarulhos é feito pela Secretaria de Saúde durante todo o ano, com visitas domiciliares, bloqueio de criadouros (eliminação dentro das residências e na sua área externa), intervenção em pontos estratégicos, como cemitérios, desmanches de veículos e borracharias, além de campanhas educativas.

Por conta do feriado de Finados, agentes de saúde vistoriaram os cemitérios públicos e particulares para intensificar as ações de combate à doença, e abordaram os visitantes para que descartassem embalagens que possam acumular água parada, e deram orientações sobre a doença e as medidas preventivas, além de percorrer os túmulos para eliminar possíveis criadouros do mosquito.

 

Febre chikungunya

 

A febre chikungunya, que já se tornou uma preocupação no Brasil, ainda não teve nenhum caso registrado em Guarulhos, mas os profissionais da Saúde da cidade já estão sendo capacitados para o atendimento de eventuais registros. O tratamento da doença é sintomático, com o uso de anti-inflamatórios, desde que o diagnóstico da dengue esteja descartado.

 

Fonte: Guarulhos Hoje