Guarulhos implanta programa que agiliza atendimento cardíaco

0
703

 

Através de parceria entre Secretaria de Saúde da Prefeitura de Guarulhos com o Hospital Stella Maris e a empresa Medtronic, nesta quinta-feira (21), teve início a instalação do programa de telemedicina LATIN (Latin America Telemedicina Infarct Network) na cidade.  O programa objetiva agilizar o atendimento a emergências cardíacas (infarto), por meio de uma rede de comunicação que conectará as unidades de pronto atendimento (UPA e PA) ao hospital de referência cardíaca na cidade, o Stella Maris.

 

Foto: Nicollas Ornelas/PMG

 

Para o secretário de Saúde, José Sérgio Iglesias Filho, a implantação deste serviço de renome internacional é extremamente necessária ao município. “Temos hoje em Guarulhos um índice alto de infarto, enquanto os países da Europa têm indicadores entre 7 e 8%. Não precisamos chegar aos padrões da Suécia e Dinamarca, mas não é aceitável essa taxa de letalidade nesses níveis que recebemos em Guarulhos”, disse.

 

Nesta primeira fase de instalação do LATIN, ainda serão contemplados o PA Paraventi e a UPA Paulista, que terão o programa instalado nesta sexta-feira (22). Já em janeiro de 2018, serão incluídas no novo protocolo de assistência ao infarto a UPA São João e os serviços de pronto-atendimento Bonsucesso, Alvorada, Maria Dirce e Dona Luiza, unidades onde o sistema será implantado entre os dias 3 e 5.

 

Presente na solenidade de lançamento da implantação do LATIN em Guarulhos, o médico Roberto Botelho, da HMS Brasil, que já levou o programa a vários países do mundo, iniciou sua fala, classificando de histórica a decisão de instalar a telemedicina na cidade. “Nos últimos 25 anos, a ciência conseguiu reduzir a mortalidade pelo infarto em 3%. Na Baixada Fluminense (RJ), o índice de mortalidade pelo infarto era próximo ao de Guarulhos: 23%. Com a implantação do LATIN, hoje está em 4%”, explicou.

 

Em Guarulhos, a segunda fase da instalação do LATIN está prevista para fevereiro de 2018, quando farão parte do programa o Hospital Municipal de Urgências (HMU), Hospital Geral de Guarulhos (HGG), Hospital Padre Bento, Hospital Municipal Pimentas Bonsucesso, bem como a UPA Cumbica, que será inaugurada no próximo dia 27.

 

“É um prazer imenso receber esse programa. Se conseguirmos salvar uma vida já terá valido a pena, mas vamos conseguir muito mais, segundo os números apresentados”, destacou o secretário de Governo Carlos Soler, que representou o prefeito Guti na solenidade.

 

LATIN

 

Desenvolvido pela medtronic, o LATIN permite o diagnóstico rápido e preciso do infarto agudo do miocárdio através do uso da telemedicina. Com a implantação do programa, o eletrocardiograma será realizado em uma das unidades de pronto-atendimento e enviado a um centro de medicina em Uberlândia, onde uma equipe de médicos de plantão 24 horas, sete dias por semana, enviam o laudo à unidade. Em caso de diagnóstico de infarto, é desencadeada a rede de comunicação, que acionará a ambulância e os médicos do Stella Maris.

 

“Hoje é um grande dia de agradecimento, porque conseguimos concretizar um grande sonho. Tenho certeza de que estamos dando um enorme passo. Vejo o LATIN como um programa de saúde pública, que vai mudar nosso indicador de mortalidade pelo infarto”, destacou o coordenador do Departamento de Urgência e Emergência da Secretaria de Saúde, Cristiano Freitas.