Ação casa a casa vacina 500 moradores do entorno do Zoológico

0
409

 

Nesta quinta-feira (25), a Secretaria de Saúde vacinou 500 moradores do entorno do Zoológico Municipal de Guarulhos contra a febre amarela. A ação foi realizada casa a casa, por três equipes de saúde, compostas por enfermeiros e auxiliares de enfermagem. Os profissionais abordaram mais de 1500 moradores neste primeiro dia da ação, sendo que, deste número, 970 já eram vacinados e 75 não puderam tomar a vacina, como no caso de gestantes.

 

Entre as pessoas vacinadas, estão inclusos também os agendamentos que, nesta quinta-feira, foram 150 e acontecem quando algum morador da residência não está presente. Neste caso é deixada uma senha para que ele seja imunizado em até cinco dias na Unidade Básica de Saúde (UBS) Rosa de França, que não integra a lista das 30 unidades que disponibilizam as doses e, portanto, atende somente os agendamentos realizados nesta ação.

 

No bairro, foram encontradas cerca de 63 residências nas quais não havia ninguém, ou porque a casa estava para alugar ou porque os moradores estavam trabalhando. Neste último caso é deixado um comunicado na caixa do correio informando sobre a ação de vacinação, orientando os moradores para que compareçam na UBS Rosa de França para realizar o agendamento. Dos idosos encontrados nas residências, 40 continham a avaliação médica e, portanto, foram vacinados na hora; e outros 30 foram encaminhados para uma consulta com o médico da unidade.

 

A estratégia da ação preventiva foi definida para a região após a confirmação de que o sagui morto no Zoológico Municipal devido a uma briga com outro primata estava contaminado por febre amarela. O objetivo da ação é imunizar toda a população do entorno do Zoológico, que corresponde a aproximadamente 25 mil pessoas. Para isso, a Prefeitura de Guarulhos aguarda mais doses do Governo do Estado, para que tanto a ação do casa a casa quanto a estratégia de vacinar nas unidades de bloqueio, ou seja, nas UBS localizadas próximas das regiões de risco, sigam com um planejamento que consiga atender todos os munícipes.

 

Vale ressaltar que a orientação da Secretaria de Saúde é de que se não há uma UBS próxima a sua casa vacinando, é porque essa não é considerada uma área próxima da região de risco, e pede que a população tenha paciência, porque todos serão vacinados.