Suspeitos de chacina no São João podem ter sido filmados por câmeras de segurança

0
449

 

A Polícia Civil de Guarulhos vai apreender câmeras de segurança de um comércio, que poderão ajudar na identificação dos suspeitos da chacina da madrugada de hoje, 1º. Foi instaurado inquérito policial para investigar a morte de uma mulher e quatro homens, assassinados em um bar.

 

chacina-camera-de-seguranca

 

De acordo com testemunhas, a mulher atingida estava dormindo no estabelecimento e os homens foram baleados do lado de fora do bar. Os quatro autores dos tiros estavam encapuzados e chegaram a pé no local, na Estrada Guarulhos Nazaré, bairro Jardim São João. O grupo fez vários disparos em direção às vítimas. Além dos mortos, três pessoas ficaram feridas.

 

Morreram Adelson Leite da Silva, 24 anos, John Lennon Pires de Carvalho, 26 anos, Alecsandro de Jesus Alves, 37 anos, Maria da Conceição de Jesus Alves, 55 anos, e Vanderlei Cavalcante Ramos Melo, 35 anos.

 

O irmão de uma das vítimas, que prefere não se identificar, disse que não sabe o que pode ter motivado a chacina. “Eu quero Justiça. Ele era um rapaz trabalhador, sempre ajudou minha mãe”, disse.

 

Neste ano, ocorreram outras chacinas semelhantes em regiões periféricas da região metropolitana de São Paulo. Em Osasco, quatro homens foram assassinados e um ficou ferido no dia 11 de abril. Os autores dos disparos estavam em um veículo e passaram atirando em Rogério Raimundo Rocha de Sousa, 21 anos, Osias Pereira, 35 anos, Fernando de Moraes, 35 anos, e Danilo Denis das Dores, 20 anos.

 

No dia 5 de abril, nove pessoas morreram e três ficaram feridas em duas chacinas. Os disparos foram feitos por pessoas que estavam em motocicletas no Campo Limpo (zona sul) e Jaçanã (zona norte), na  capital paulista. Algumas das vítimas estava em um estabelecimento comercial.

 

Fonte: Click Guarulhos