Servidores participam de curso de atendimento ao cliente

0
384

 

Oferecer um bom atendimento àqueles que visitam a Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, independente de qual departamento você trabalha. Esse foi um dos objetivos do curso de Atendimento ao Cliente oferecido aos servidores operacionais pela Escola de Administração Pública Municipal – ESAP.

curso-atendimento-ao-cliente
Foto: Yve de Oliveira – PMG/SECEL

 

A iniciativa, que tem parceria com o Departamento de Orientações Educacionais e Pedagógicas (DOEP), teve como foco os relacionamentos interpessoais, sensibilização e ética.

 

Durante os dois dias de curso, com carga horária de 6 horas, os participantes trataram da importância do bom atendimento por meio de atividades, testes e dinâmicas que enaltecem o papel do servidor público, mexendo com a sensibilidade dos participantes com empatia.

 

As multiplicadoras Patrícia Ferreira e Deborah Pompeo contam que essa abordagem faz com que as pessoas se soltem, conversem, além de promover a interação e integração: “E assim, elas acabam nos contando suas experiências, histórias, aprendendo e nos ensinando. Tudo isso com certeza irá colaborar para a melhoria da comunicação interna e externa da Secretaria”, aponta Déborah.

 

Sobre a importância dos temas abordados no curso, a funcionária da limpeza Sueli Andrade Silva, que trabalha há 14 anos na Proguaru, acredita que eles ajudam as pessoas a se expressarem melhor: “Aprendemos a ser mais elegantes e simpáticos, e tudo isso acrescentou conhecimentos aos nossos valores pessoais”.

 

Os guardas José Luiz Peres Barbieri e Carlos Alberto dos Santos são responsáveis pelo controle de acesso ao prédio da SECEL. Animados, eles contam que uma das atividades contou com a encenação de pequenos sketches, no qual simularam formas de atendimento.

 

“Essa é uma nova experiência, que vai nos ajudar a atender melhor ainda o público e quanto melhor para eles, melhor para nós também”, observa José Luiz. “Atendemos todos com muita educação, fazemos o possível para colaborar com um ambiente de trabalho mais agradável e nada melhor do que tratar bem as pessoas”, completa Carlos Alberto.