Programa de Coleta Seletiva da Câmara de Guarulhos completa três anos

0
316

 

Após três anos do lançamento do Programa de Coleta Seletiva Reciclação, implantado na Câmara de Guarulhos na gestão do presidente Eduardo Soltur (PSD), servidores avaliam resultados do trabalho de conscientização, durante visita ao centro de triagem da Cooperativa CoopReciclável, no Taboão, nesta quarta (28). Segundo o presidente do grupo de trabalho, Diego Lucena de Medeiros, o Legislativo arrecadou aproximadamente sete toneladas de materiais recicláveis no último ano.

 

coleta-seletiva-guarulhos

 

Para Medeiros, o maior desafio é implantar uma cultura interna que aumente o recolhimento do material o mais seco possível, sem resíduos de café com açúcar, por exemplo, para evitar o acúmulo de insetos. Os papéis e copos descartáveis provenientes dos gabinetes dos vereadores são armazenados no segundo subsolo do prédio do Legislativo e recolhidos semanalmente por um caminhão da própria cooperativa, que recebe mais de meia tonelada por mês.

 

De acordo com a diretora financeira da CoopReciclável, Fabiana Maria Pinto (39), o valor arrecadado é dividido entre os 72 trabalhadores da cooperativa, que ganham aproximadamente R$ 900 por mês. O centro de triagem tem quatro caminhões, uma esteira e quatro prensas. Além do material da Câmara, a cooperativa também faz a coleta porta a porta nos bairros Vila Barros, Vila Fátima, Bela Vista, Ipanema, Macedo e Bom Clima.