Policiais prendem três na Vila Barros e evitam morte em “tribunal do crime”

0
1469

 

Uma pessoa foi salva por policiais militares no fim da tarde desta quarta-feira, 26. O homem estaria sendo julgado no interior do Barraco do Mineiro, na rua Candida Rodrigues Barbosa, Vila Barros – Comunidade Paulino Moino. O lugar funcionava como tribunal do crime, além de ser utilizado para laboratório e refino de drogas.

 

vila-barros-crimes

 

A Polícia Militar recebeu a informação de que um indivíduo estava amarrado no local por meio de denúncia anônima. Quando as equipes chegaram, diversas pessoas empreenderam fuga, sendo presas apenas três. A vítima que teria sido condenada à morte, conforme ela mesma informou aos militares, é integrante de uma facção rival e estava há dois dias no local sofrendo agressões.

 

No local, foram localizados os materiais utilizados para embalagem de entorpecentes, como balança digital, pinos de e-pendorfs, facas e plásticos para embalagem.

 

Os presos são Cleodi Chimenez Ribeiro, 31 anos; Guilherme Vinicius Gualter dos Santos, 23, e Eliel de Moraes, 31. Todos foram conduzidos ao 1° DP de Guarulhos. Os supostos agressores responderam por tortura e tentativa de homicídio.

 

Fonte: Click Guarulhos