Poesias de Castelo Hanssem

1
377

 

No próximo sábado (11/07), acontece no Ponto de Cultura AAPAH – Memória, Cidadania e Patrimônio, o Memória Viva – a vida e a obra do poeta Castelo Hanssen. Começa às 15h. O projeto convida personalidades com fortes raízes em Guarulhos para falar sobre política, artes, movimentos sociais e sobre sua própria história de vida.

 

Castelo-Hanssem

Nesse próximo encontro do Memória Viva, Castelo Hanssem falará sobre sua obra e a interferência do cotidiano e experiências para a evolução do fazer artístico. O poeta será conduzido a contar as diferentes fases de criação de suas obras. Três interferências marcantes nas suas poesias serão esclarecidas – a fase da militância política, o desencantamento político e o período de problemas de saúde. Os três momentos são perceptíveis nos poemas.

O evento será mediado pelo jornalista Bruno Leite de Carvalho, que deve conduzir a conversa de modo do entrevistado buscar fragmentos de sua memória. O público também pode fazer perguntas e interagir com o convidado.

Bruno Leite de Carvalho explica que evento é uma entrevista coletiva com o convidado. “Faço um trabalho de pesquisa para conduzir a conversa e tento levar os presentes a perguntar dentro de uma cronologia ou tema para que o entrevistado consiga relembrar momentos guardados em sua memória”, afirma o jornalista.

O Memória Viva trabalha a difusão do conhecimento por meio do recurso da oralidade, o objetivo é colocar personalidades em contato com o público. O evento é filmado e deve servir para trabalho de pesquisas que utilizam a técnica de história oral, assim toda a entrevista busca contar os fatos pela memória do convidado sendo conduzido por uma pesquisa prévia sobre sua obra e sua história de vida.

Castelo Hanssem também é jornalista, atuou em vários jornais da cidade, também é um dos fundadores da Academia Guarulhense de Letras e do Colégio Brasileiro de Poetas de Mauá. Castelo é autor dos livros “Canção pro Sol Voltar”, “A Flor que Drummond viu Nascer no Asfalto”, “Um Cego Fita o Horizonte”, “Fragmentos de Memória” e “Geremias Gemebundo”.

 

Serviço

 

O Ponto de Cultura da AAPAH fica na rua Nossa Senhora Mãe dos Homens, 1031 – Sala 1.

 

O evento é gratuito.

Mais informações pelo e-mail [email protected] ou pelo telefone 11 3380-7772.