Número de moradores de rua em Guarulhos diminui

0
694

 

O número de pessoas que moram nas ruas de Guarulhos atualmente é quase 18% menor do que no mesmo período do ano passado, de acordo com a secretaria de Assistência Social da cidade.

Hoje em são 203 moradores de rua, contra 247 que não tinham onde viver em 2013.

Na última semana o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgou dados que mostram o aumento no número de miseráveis no Brasil em 2013, o primeiro crescimento em dez anos.

moradores-de-rua-guarulhos

O Ipea calculou que o número de pessoas extremamente pobres passou de 10,081 milhões em 2012, para 10,452 milhões em 2013, um acréscimo de 371.158 pessoas entre as com renda inferior ao mínimo necessário para garantir o consumo das necessidades calóricas.

Em Guarulhos existem diversos serviços disponíveis para a população em situação de rua, como um Serviço Especializado em Abordagem Social, dois Centros de Referência Especializados de Assistência Social para População em Situação de rua (Centros POP), um albergue e uma Casa de Passagem Feminina.

Em todos estes locais são ofertados serviços para que as pessoas tenham oportunidade de reinserção social, como ajuda para a retirada de documentos, acompanhamento psicológico, aconselhamento e tentativa para restabelecimento de laços familiares, além de cursos de capacitação, para que tenham oportunidades no mercado de trabalho.

A prefeitura orienta que os moradores de rua procurem um dos locais disponibilizados, onde terão todas as informações e o atendimento necessário.

A cidade dispõe também de um serviço de abordagem que procura as pessoas nesta situação pelas ruas, e funciona 24 horas por dia.

 

Fonte: Guarulhos Hoje