Mais escolas estaduais podem ser ocupadas em Guarulhos

0
751

 

Juvenal pode ser a próxima escola estadual em Guarulhos a ser ocupada:

 

juvenal-guarulhos

 

A Escola Estadual Juvenal Ramos Barbosa, no Jd. Rosa de França, pode ser a próxima escola de Guarulhos a ser ocupada por estudantes que são contra à reorganização das escolas proposta pelo governador Geraldo Alckmin.

 

A unidade abrigará apenas alunos do 6º ao 9º ano. Estudantes do ensino médio serão transferidos para a Escola Estadual Brasília Castanho de Oliveira, no Jardim Dona Mena.

 

Os estudantes estão se organizando através das redes sociais e marcam a ocupação para esta quinta-feira, 26.

 

Brotero é a próxima escola a ser ocupada:

 

brotero-guarulhos

 

Integrantes do movimento contrário à reorganização das escolas estão se dirigindo à EE Frederico de Barros Brotero, na vila Progresso, para ocupá-la também. Um dos organizadores das ocupações espalhou a informação de que impedirão as aulas no local ainda hoje.

 

Vários alunos da instituição são deficientes visuais.

 

Alunos que ocuparam Conselheiro mostram que estão cuidando da escola:

 

 

Nesta segunda, 23, estudantes da Escola Estadual Conselheiro Crispiniano ocuparam o colégio em protesto contra a reorganização das escolas, proposta pelo governador Geraldo Alckimin.

 

Em fotos divulgadas nesta terça-feira, 24, pelos próprios estudantes, os alunos estão limpando os banheiros e dependências que estão usando na escola. Os alunos garantem que manterão o zelo pelo colégio. “A nossa ocupação na escola E.E Conselheiro Crispiniano está se dando de uma forma pacífica, sem quebrar mesas, carteiras, entre outros. Os alunos se organizaram entre si para esclarecer tarefas a fazer, os grupos que fariam cada tarefas como por exemplo, lavar os banheiros, organizar as cozinhas, limpar o pátio e manter em ordem toda a dependência (que temos acesso.) da escola.

A ORDEM será mantida entre todo o pessoal que está ajudando e assim será feito, até que Alckmin acabe com essa questão de reorganizar NOSSA escola, porque quem faz a escola, somos nós, alunos”, diz alunos que criam fanpage no Facebook para manter a comunidade atualizada.

 

Fonte: Click Guarulhos