Linha de trem que passará no Cecap será interligada à rodoviária

0
639

A estação Cecap da Linha 13-Jade, da Companhia Paulistas de Trens Metropolitanos (CPTM), contará com uma saída diretamente para a rodoviária. O Jornal Guarulhos Hoje visitou a construção nesta quarta-feira e constatou que o desembarque dos passageiros permitirá o acesso direto ao terminal rodoviário.

O objetivo da CPTM é permitir o acesso não à rodoviária, mas ao Hospital Geral de Guarulhos (HGG) e ao terminal metropolitano Taboão, da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU).

trem-no-cecap Foto: Ivanildo Porto

As obras já estão em estágio bastante avançado. Durante a visita, acompanhada por equipe de engenheiros e técnicos, a reportagem pode constatar in loco todas as intervenções nos 12,2 km do ramal – sendo que uma parte do trajeto será feita em superfície (4,3 km) e outra em elevado (7,9 km) – que tem início na Estação Engenheiro Goulart, na capital paulista, com destino à Estação Aeroporto. A estimativa é que a viagem tenha duração de 17 minutos com o intervalo entre os trens de oito minutos, para atender uma demanda diária de 120 mil passageiros.

A reconstrução da Estação Engenheiro Goulart será entregue em duas partes. A primeira, na Linha 12-Safira, deverá ser entregue no início do ano que vem. Já a ligação para a Linha 13 tem estimativa, juntamente com as demais estações, para o início de 2018.

Já o acesso da Estação Aeroporto ao terminal, deverá ser feita através de ônibus disponibilizados pela concessionária que administra o aeroporto. Isso porque a saída da estação se dará próximo ao Terminal 1, ficando distante dos terminais 2 e 3 que concentram o maior número de passageiros.

Construção

As intervenções começaram no final de 2013 e são realizadas em quatro lotes pelos consórcios que ganharam a licitação. Elas representam um investimento do governo do estado de quase R$ 2 bilhões, sendo as obras civis financiadas pela Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) e recursos do Governo do Estado de São Paulo, e a energia, sinalização e telecomunicação pela Caixa Econômica Federal (CEF/PAC).

A implantação da nova linha conta ainda com a transposição sobre os rios Tietê e Baquirivu-Guaçú, das rodovias Ayrton Senna, Hélio Smidt e Presidente Dutra, e da avenida Monteiro Lobato. A linha contará com oito trens de oito carros que serão diferenciados com a disponibilidade de bagageiros para os passageiros que desembarcarão no aeroporto possam levar suas bagagens com segurança e facilidade.

Reportagem: Rosana Ibanez

Fonte: Guarulhos Hoje