Inscrições abertas para a 6ª Feira de Ciências das Escolas Estaduais de São Paulo

0
156

 

Na perspectiva de formar cidadãos preparados para o século XXI, a Educação convida professores e alunos das escolas da rede matriculados no Ensino Fundamental e Ensino Médio a se inscreverem na 6ª edição da Feira de Ciências das Escolas Estaduais de São Paulo. As inscrições seguem até o dia 17 de agosto.

 

 

Na categoria Ciências da Natureza, podem ser inscritos projetos de estudantes do 6º, 7º e 8º ano do Ensino Fundamental, subcategoria Júnior e do 9º ano do Ensino Fundamental, da 1ª série e 2ª série do Ensino Médio, na subcategoria Master. E a novidade do ano fica pela inserção da Categoria Ciências Humanas, em que podem se inscrever alunos do 9º ano e da 1ª e 2ª série do Ensino Médio, na subcategoria Master.

 

A iniciativa parte da certeza de que os jovens são o futuro e busca conscientizá-los sobre a importância de projetos nas áreas ciência, tecnologia, direitos humanos, saúde, empreendedorismo, sustentabilidade e ética, por meio da iniciação científica. A ideia é olhar para ao redor e ter ideias do que é possível utilizar para melhor a vida em sociedade de maneira sustentável.

 

Para se inscrever, os interessados devem entrar em contato com a Diretoria de Ensino, que será responsável pela seleção regional dos melhores projetos. Em caso de equipes mistas, com alunos pertencentes às duas subcategorias, o projeto deverá ser inscrito na de maior escolaridade, ou seja, na subcategoria Master. E todos os projetos submetidos deverão ter professores orientadores. O regulamento se encontra em https://bit.ly/2IiWFqQ .

 

Os projetos passarão por uma seletiva regional e outra estadual. Os 40 finalistas serão avaliados por uma banca final, que selecionará oito projetos vencedores.

 

Vencedores da 5ª edição

 

Na categoria Master, ganharam a aluna Brenda Garcia de Lima, da escola Cel Francisco Schmidt, e Rodrigo de Almeida Paixão, ambos do Ensino Médio, com o projeto “Energia Solar Fotovoltaica em Escola Estadual”. Já o jovem cientista, Bruno Henrique Muniz, de 12 anos, e seu amigo, Wilisses Elizeu da Silva Souza, da EE João Arruda Brasil, ganharam na categoria “Revelação”. Eles criaram o projeto sustentável “Arduíno e a educação de trânsito para bicicletas”.