Duplicação do viaduto que liga Guarulhos a capital

0
750

 

O trecho Vila Endres-Tiquatira do Corredor Metropolitano Guarulhos-São Paulo prevê a duplicação do viaduto Imigrante Nordestino, que liga o bairro guarulhense da Ponte Grande à Penha, na capital. A Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) está contratando estudos para obter o licenciamento ambiental da obra. A previsão da EMTU é que esta fase seja concluída até o final de 2015.

Em paralelo a EMTU fará tratativas com as prefeituras de Guarulhos e São Paulo para conseguir um consenso em relação ao traçado.

As conversas também dependem da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e do Metrô, já que ambos possuem ramais que devem chegar à Guarulhos pela região, sendo a Linha 13-Jade e extensão da Linha 2-Verde, respectivamente.

 

emtu-guarulhos

Na cidade as obras do trecho Cecap-Vila Galvão do Corredor Metropolitano devem ser concluídas neste mês.
Atualmente as intervenções estão em fase final de obras, com a realização de ajustes no viário, no entorno e sinalização, principalmente em trechos onde o tráfego será compartilhado com os demais veículos.

Serão 17 pontos de parada, uma Estação de Transferência (Emílio Ribas) e obras complementares em importantes cruzamentos que necessitam de interdições escalonadas por parte do Departamento de Trânsito municipal. A previsão é de que nesse trecho circulem 60 mil passageiros por dia.

Outro trecho, que ligará a Vila Galvão ao Tucuruvi com 4,5 km, já conta com a licença ambiental emitida pela Cetesb (Licença Prévia) e está em fase de revisão de projeto e estudo para obtenção da Licença de Instalação (LI), processo que deverá ser concluído ainda em 2015.

Segundo a empresa, o corredor foi concebido para reestruturar o transporte metropolitano na região, com faixas exclusivas para ônibus, redistribuição das paradas e readequação dos semáforos ao longo do traçado com um total de 20 km de extensão.

 

Fonte: Guarulhos Hoje