Dia D de Combate à Dengue

0
419

 

O Ministério da Saúde está convocando a população para participar de uma grande mobilização de combate ao mosquito Aedes aegypti que, além de propagar a dengue, agora também transmite a febre chikungunya, doença que possui sintomas parecidos com os da dengue, porém com dores mais intensas e possibilidade de provocar problemas crônicos nos pacientes. O chamado Dia D de Combate à Dengue e à Chikungunya em todo o País está marcado para este sábado, dia 7.

 

Em Guarulhos, as ações já foram intensificadas nesta quarta-feira (4), com um mutirão no bairro Portelinha (vizinho ao Anita Garibaldi), trabalho que se estende até esta sexta-feira (6). Cerca de 30 agentes de Saúde estão entrando de casa em casa para retirar criadouros do mosquito Aedes aegypti, bem como para orientar a população sobre a importância de se eliminar todo recipiente que possa acumular água limpa e parada, e alertar sobre a febre chikungunya.

 

dengue-guarulhos

foto: Sidnei Barros/PMG

 

Guarulhos registrou no primeiro mês deste ano 18 casos confirmados de dengue, contra 11 de janeiro de 2014. Em algumas cidades, como na Capital, o número de pessoas com dengue já triplicou nos primeiros 30 dias de 2015 em relação ao mesmo período do ano passado, uma vez que, por conta da crise hídrica, muitas pessoas estão armazenando água sem os cuidados de vedação necessários para evitar a proliferação do Aedes aegypti.

 

Por isso, a médica veterinária Cristina Magnabosco, diretora do Departamento de Vigilância em Saúde, alerta que a manutenção dos cuidados cotidianos é fundamental para evitar uma epidemia de dengue e, principalmente, da febre chikungunya, doença de maior gravidade, uma vez que pode causar problemas incapacitantes, durante meses ou anos. “Temos de entender que todo cuidado é pouco, porque agora o Aedes aegypti,em vez de uma doença, transmite duas”, observou.

 

Fonte: Prefeitura de Guarulhos