Corvo toma chocolate

1
388

 

Com três gols do atacante Daniel Costa, o líder da Série A3 do Campeonato Paulista, Juventus, deu um chocolate no Flamengo em pleno domingo de Páscoa. O resultado de 5 a 1 garantiu o Moleque Travesso no quadrangular final do torneio, enquanto o Corvo briga agora para não ser rebaixado a Quarta Divisão, em 2016.

 

Logo aos 12 minutos, o Juventus abriu o placar com Daniel Costa. O atacante recebeu passe rasteiro do meio de campo, driblou o goleiro Douglas e marcou com facilidade.

 

O Flamengo até tentou o empate, mas o goleiro juventino André Dias estava em manhã inspirada e impediu o gol do seu ex-clube.

 

Aos 36 minutos, Daniel Costa ampliou o placar. Ele recebeu cruzamento da direita e, sozinho, fez o seu segundo gol na partida. Na comemoração, o autor do gol e o atacante Gil, imitaram o coelhinho da Páscoa.

 

O clube da Mooca é o primeiro colocado da primeira fase, com 35 pontos. Tem o melhor ataque com 32 gols marcados e a defesa menos vazada, com 12 gols sofridos. Já o time de Guarulhos amarga a 13ª colocação, com 20 pontos, três a mais do que o primeiro time na zona da degola, o Tupã.

 

pascoa-guarulhos

Passou o trator – O atacante Daniel Costa balançou a rede do goleiro flamenguista Douglas por três vezes (Foto: Lucas Dantas)

 

Na 17ª rodada, o Flamengo recebe o Itapirense, no Estádio Antônio Soares de Oliveira, na quarta-feira, às 15h. No mesmo dia e horário, o Juventus faz o clássico Juvenal, contra o Nacional, no Estádio Nicolau Alayon, na Capital Paulista.

 

Moleque Travesso apronta no 2º tempo contra time da casa

 

Sem piedade, o Juventus foi para cima do Corvo já no inicio da etapa final e fez o terceiro gol do jogo aos 30 segundos, com o camisa 10 Adiel.

 

Aos 11, o artilheiro do dia, Daniel Costa, mais uma vez driblou o goleiro Douglas e marcou seu terceiro no jogo e o quarto do time da Mooca.

 

Quando o Flamengo teve chance de diminuir, Brayan Riascos desperdiçou. Aos 22 minutos, o árbitro Cleber Luis marcou pênalti do zagueiro do Juventus, Léo, em Billy. O colombiano foi para a bola e chutou na trave.

 

Ao 44 minutos, Rafael Branco, que havia entrado no lugar de Gil, marcou o quinto. Aos 48, o atacante Billy ainda marcou para o Corvo, mas não havia tempo para mais nada.

 

Fonte: Folha Metropolitana