Comitiva de Guarulhos realiza visita à Reatech

0
315

 

A Subsecretaria de Acessibilidade e Inclusão participou da 15ª edição da Reatech no sábado, dia 3, por intermédio da visita de 34 pessoas com deficiência ao evento, realizado no São Paulo Expo, entre eles, o titular da Pasta, Toninho Messias, que ainda participou do Fórum de Gestores do Estado.

 

Reatech-guarulhos (1)
Reatech foi realizada no último fim de semana, na Capital

 

A Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade é considerada a principal feira do setor na América Latina. De acordo com Messias, informações sobre o que está acontecendo para a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência são fundamentais. “Foi importante a visita para a integração e o conhecimento das pessoas com deficiência sobre as tecnologias que a feira apresentou. Eu desejo que no próximo evento seja possível levar número maior de pessoas, já que as inscrições superaram o número de vagas”, afirmou o subsecretário.

 

Os visitantes ficaram imensamente satisfeitos com a iniciativa da Prefeitura, que contou com a parceria do Departamento de Serviços Gerais da Educação, no transporte dos participantes.

 

Durante a visita, houve momentos muito interessantes, como a demonstração do cão-guia robô, a vivência com próteses, brinquedos adaptados para parques e o atendimento acessível para surdos na Língua Brasileira de Sinais (Libras).

 

Na oportunidade, o subsecretário Toninho Messias participou do Fórum de Gestores do Estado de São Paulo – reunião que serviu de base para a definição de importantes ações do segmento para todo o Estado.

 

Sobre o evento

 

A  Reatech é organizada e promovida pela Cipa Fiera Milano e reuniu cerca de 300 expositores dos segmentos de agências de emprego voltadas para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida, instituições financeiras, fabricantes de cadeiras de rodas, departamentos de recursos humanos, entre outros.

 

Reatech-guarulhos (2)
Toninho Messias também participou do Fórum de Gestores

 

O evento ainda proporcionou atividades culturais e sociais, como, por exemplo, equoterapia (método terapêutico e educacional, que utiliza o cavalo dentro de abordagem multidisciplinar – nas áreas de saúde, educação e equitação), teste drive de carros adaptados, quadras poliesportivas, seminários, oficinas e workshops.