Carateca guarulhense não tem apoio

0
350

 

O talentoso carateca de Guarulhos Diego Jacinto, de apenas 14 anos, pode encerrar sua curta e vitoriosa carreira por falta de apoio financeiro. Na próxima quarta-feira, 4, ele vai para Assunção, Paraguai, onde disputa o campeonato Pan-Americano, que será realizado entre os dias 6 e 8 de fevereiro.

 

Sem condições para bancar as despesas, sua mãe, Adriana Jacinto, está sem esperanças sobre o futuro do garoto. “Pagamos aluguel e todas as despesas da casa. Em outubro, ele disputou um campeonato internacional, também no Paraguai, e estou pagando as contas até hoje. Parcelei em cinco vezes de R$ 300”, contou Adriana.

 

karate-guarulhos

Esperança – Apesar dos problemas, o garoto Diego Jacinto, faixa preta de caratê, não quer largar o esporte (Foto: Lucas Dantas)

 

Resultados e um futuro brilhante, Diego tem. Faixa-preta, ele já foi campeão paulista, brasileiro e sul-americano. Em quatro anos de luta, ele já coleciona centenas de troféus e medalhas em sua casa. Sua qualidade na arte marcial o fez ganhar uma bolsa de estudos em um dos melhores colégios de Guarulhos, o Eniac.

 

Ele já foi cinco vezes ao Paraguai. Para cada viagem fora do Brasil, ele gasta cerca de R$ 1.000, com passagem, hospedagem, alimentação e inscrição no campeonato. Além disso, sempre gasta com quimonos, luvas e protetores bucais. “Para nós, que temos poucas condições, é muito dinheiro”, lamentou Adriana.

 

Apesar das dificuldades, o garoto é persistente e disse que não quer abandonar o caratê. “Eu batalho muito para conquistar meus objetivos e não poder viajar por falta de dinheiro é triste. Mas independente do que aconteça, vou seguir praticando o meu esporte”, comentou Diego.

 

Fonte: Folha Metropolitana