13º dos servidores poderá atrasar

0
453

O secretário municipal de Governo Benedito Aparecido da Silva, o Benê, disse na manhã desta terça-feira, 22, durante audiência pública da Lei Orçamentária Anual (LOA) na Câmara Municipal que a primeira parcela 13º salários dos cerca de 24 mil servidores, sendo que destes 1,8 mil ocupam cargos comissionados, não estão garantidos.

benedito-aparecido-guarulhos

Além disso, o secretario faltou a previsão orçamentária de sua pasta para o próximo ano. De acordo com ele, estão previstos R$ 57.933.343,02 para as ações e programas da pasta.

Responsável pela gestão orçamentária, pela gestão da tecnologia da informação e das atividades oficiais, pela coordenação do orçamento participativo e do controle interno, a Secretaria de Governo tem dois programas que compõem seu orçamento. No caso da Gestão da Participação Popular, esta é responsável por R$ 1.670.851,63 do orçamento previsto para 2017.

A Gestão Administrativa e Operacional é o que detém mais recursos – R$ 56.122.492,39. O programa cuida da gestão administrativa da Secretaria, dos controles internos, da manutenção dos serviços de tecnologia da informação e comunicação e do Diário Oficial do Município, dá apoio a instituições e entidades, planeja o orçamento, avalia e monitora a ação da Prefeitura.

Com tamanha importância dentro da gestão da Prefeitura, a Secretaria de Governo tem papel fundamental no período de transição entre o Executivo atual e o grupo que foi eleito e assumirá o Bom Clima em 2017. “Estamos nos colocando à disposição da equipe de transição do futuro prefeito, passando todas as informações possíveis e acertando os compromissos que temos a cumprir até o final do atual mandato”, afirmou Benedito Aparecido da Silva.

Fonte: Click Guarulhos